Tudo o que você precisa saber sobre a canela, com o Doutor Alonso

Propriedades, contraindicações, usos e história desta maravilhosa planta medicinal

Quer conhecer muitas interessantes questões sobre a canela como a sua história, seus benefícios, seus efeitos adversos e seus usos? Pois então não deixe de ler este artigo que fizemos com o Doutor Alonso, no qual te contará tudo o que você precisa saber sobre esta enorme planta medicinal.

Você é um verdadeiro entusiasta da canela e quer conhecer um pouco mais sobre as suas propriedades? Está intrigad@ em como é que começou a ser usada medicinalmente? Talvez quer conhecer as contraindicações desta planta? Pois todas essas perguntas e outras terão resposta neste artigo.

É que aqui o Doutor Jorge Alonso, habitual colunista da Innatia em matéria de fitoterapia, poderá esclarecer qualquer dúvida que tenha sobre esta ótima planta medicinal que é a canela. Vai perder este artigo? Pois então não deixe de ler!

História medicinal da canela

- Conte-nos um pouco sobre de onde provém a canela e um pouco da sua história medicinal.

- A caneleira é originária do Sri Lanka (ex Ceilão), Malásia, Java e Índia meridional, sendo posteriormente introduzida através do Oceano Índico nas Islas Seychelles e Madagascar. Cresce habitualmente silvestre em bosques até os 1.000 metros de altura, sendo também cultivada em alguns países tropicais da América, especialmente Jamaica e Brasil (São Paulo e Bahia).

Junto com a mirra e o incenso, a canela foi uma das especiarias aromáticas mais importantes da antiguidade, sendo mencionada a respeito no Antigo Testamento. Os nativos do sudeste da Ásia e os antigos ervanários chineses já a recomendavam para o tratamento de transtornos digestivos e menstruais. E foi mencionada como produto medicinal pela primera vez em 1275!

Propriedades e princípios ativos da canela

- Qual é a parte da canela onde radicam seus componentes ativos?

- A parte ativa está constituida pela casca do talo e dos ramos dessecados, desprovida das partes mais externas, e pela casca dos brotos jovens sem o súber e sem a quase totalidade da casca primária.

É obtida através de raspagem e posterior dessecação a partir de árvores jovens de 3 a 5 anos. Os fragmentos da casca interna se encaixam uns com os outros e se colocam para secar o tempo suficiente para que desapareça a umidade; depois se enrolam conformando cilindros.

Apresenta cheiro característico e aromático, com sabor ardente e especiado, um pouco doce e mucilaginoso, e ligeiramente áspero.

- Quais poderia se dizer que são suas propriedades medicinais?

- Por exemplo, o óleo essencial da canela demonstrou exibir propriedades antiespasmódicas, carminativas, antimicrobianas, antissépticas, larvicidas, sedantes, antioxidantes e inseticidas. Quase nada!

Justamente, este óleo essencial também foi reportado como bactericida, antimicótico, antiviral, ascaricida, nematocida, antiplaca bacteriana dental e inseticida. Completíssimo neste conceito para combater problemas virais e infecciosos.

Por sua vez, também se destaca sua atividade digestiva, exercendo um efeito protetor da mucosa gástrica, demonstrando possuir propriedades carminativas e eupépticas, através da estimulação de enzimas digestivas, especialmente da tripsina.

Como tomar a canela e quais são os riscos de consumo

- Quais são as formas de consumir a canela?

- Na forma de decocção (preparando uma tisana), em extracto fluido umas três vezes por dia. Em pó, que se pode tomar na forma de cápsulas de uma a três vezes por dia. E também como tintura e óleo essencial. Sempre respeitando as indicações de um especialista e tomando-a com moderação.

- Tem contraindicações destacadas?

- A droga nas doses recomendadas é bem tolerada. Seu consumo na forma de especiaria não acarreta nenhum problema. Tanto a casca em altas doses como o óleo essencial em doses usuais podem gerar, através de inibição vagal, quadros de taquicardia, taquipneia, sudoração e aumento do peristaltismo intestinal. Por isso mesmo, deve-se ter precaução com as quantidades que se consomem.

Ramas de canela

Ótima exposição sobre a canela o Doutor Alonso te brindou! Não deixe de conhecer uma planta que tem benefícios simplesmente formidáveis.

Como você se beneficia com a canela?

Gráfico da enquete: Como você se beneficia com a canela?

Decocção

63/8

Extrato

7/12

110/3

Tintura

5/9

Óleo essencial

8/10

Outros

10/7

Para que você consome a canela?




IMPORTANTE: A missão do "Tudo o que você precisa saber sobre a canela, com o Doutor Alonso" é te ajudar a estar informado. NUNCA substitua a consulta médica.

1 comentário no "Tudo o que você precisa saber sobre a canela, com o Doutor Alonso"

Você pode comentar no Facebook e no Google +, ou se preferir fazê-lo de forma anônima no nosso sistema de comentários

Comente no Facebook
Comente na Innatia
¡Carregando comentários!

Paulo Laudelino igidio ...

Então tenho uma propriedade em rio claro estado do rio de. Janeiro e possuo pés de canela , e gostaria de saber como aproveitar a planta pois quando faço poda tiro muitos galhos e folhas , porém não sei beneficialas

0

8 de Jun, 2016 - 19:05:18

Escreva seu comentário sobre "Tudo o que você precisa saber sobre a canela, com o Doutor Alonso"

Comente no Google+