Somos o que comemos

A comida: o segredo da nossa saúde física e emocional

Sabia que praticamente toda nossa saúde depende do que comemos? Fisicamente estamos construídos por milhões de células, para sobreviver cada uma deve se alimentar; a saúde destas estruturas depende da recepção dos nutrientes que necessitam para funcionar.

Sabia que praticamente toda nossa saúde depende do que comemos? Que um dos segredos da juventude é o que você come? Que a qualidade dos seus pensamentos e sentimentos está intimamente ligada com a sua alimentação? Descubra aqui como.

Nossa saúde física e a comida

Fisicamente estamos construídos por milhões de células, para sobreviver cada uma deve se alimentar; a saúde destas estruturas depende da recepção dos nutrientes que necessitam para funcionar.

O sangue transporta estes nutrientes para as células e absorve o que restou. O sangue recebe estes nutrientes dos alimentos que ingerimos recolhendo eles principalmente das paredes intestinais. O sangue se limpa dos restos que recolhe das células através do fígado e dos pulmões.

O ponto mais importante de lembrar é que o sangue é neutral no sistema de transporte, se você comer alimentos que são tóxicos, o sangue recolherá essas toxinas e as levará para as células tal e como se fossem nutrientes. Se existir alguma deficiência nos alimentos que comemos o sangue simplesmente chega até as portas da célula com as “mãos vazias”.

Então o que você come determina o que o sangue transporta até as células, sejam toxinas ou nutrientes, é por isso que para fortalecer todos os nossos órgãos e sistemas é necessário saber que nutrientes precisam as células e que toxinas ou outras substâncias não necessitam, portanto é preciso incluir na nossa dieta os nutrientes necessários para a saúde de todos os nossos sistemas e excluir os danosos.

Nossa saúde emocional e a comida

A frase: “Somos o que comemos?” quer dizer que o que pensamos e sentimos está profundamente relacionado com o que levamos até a boca. O referente físico do que pensamos e sentimos é o cérebro e este é um órgão composto por células nervosas chamadas neurônios, estas do mesmo jeito que todas as outras células do nosso corpo precisam de nutrientes adequados em quantidades adequadas para o seu correto funcionamento, mas como expliquei acima se o sangue que vai alimentá-las está pobre em nutrientes e também intoxicada , a qualidade das células e das suas funções será muito deficiente, ou seja as funções destas células não serão as corretas e grande parte destas funções têm a ver com a nossa capacidade de pensar e de sentir.

A solução

  • Primeiro é preciso evitar o fast-food, que é baixo em nutrientes e também contém substâncias nocivas como conservadores artificiais, edulcorantes, pesticidas químicos, hormônios, assim como evitar outros elementos nocivos para a saúde, por exemplo: sal, açúcar refinado, gorduras saturadas, farinhas refinadas e alimentos de origem animal. Tudo isto para ter um organismo limpo e livre de toxinas.
  • Segundo, comer abundantes frutas e verduras, grãos, sementes, frutas secas, germinados, hortaliças, líquidos de origem natural como a água pura, sucos e alguns chás.
  • Terceiro, procurar pelo menos de uma a duas vezes por amo levar um programa de desintoxicação através de dietas naturistas ou medicinas alternativas.

Tudo isto são medidas preventivas para viver em saúde e com nosso melhor estado físico mental e emocional.


Nenhum comentário

Você pode comentar no Facebook e no Google +, ou se preferir fazê-lo de forma anônima no nosso sistema de comentários

Comente no Facebook
Comente na Innatia

Escreva seu comentário sobre "Somos o que comemos"

Comente no Google+