O que é a doença de Crohn e quais são os seus sintomas?

Como é o seu tratamento e do que trata a dieta Crohn

Esta doença inflamatória intestinal pode afetar qualquer parte do tubo digestivo. Conheça tudo sobre ela para reconhecê-la e detectá-la a tempo. E não perca as palavras de um entrevistado que te conta como é sofrer mal de Crohn em primeira pessoa.

As doenças intestinais são um problema comum mas você sempre deve estar atento aos sintomas que revelem um possível problema. O mal de Crohn é uma destas afecções e você poderá conhecer mais sobre ela neste artigo: o que é, suas causas, sintomas, tratamento e diferenças com a colite ulcerosa, já que são duas doenças muito associadas e às vezes confundidas.

O que é a doença de Crohn

O mal de Crohn é uma doença crônica intestinal, inflamatória e autoimune. Embora possa afetar qualquer parte do tubo ou trato digestivo (da boca até o ânus), geralmente se produz na parte mais baixa do intestino delgado (chamado íleon) ou do grosso (reto e cólon).

É uma doença que pode afetar pessoas de qualquer idade, embora geralmente a sofram homens e mulheres entre os 15 e 35 anos. Embora a doença de Crohn em crianças não seja comum, elas também podem sofrê-la. Ao ser uma doença crônica pode voltar em diferentes momentos da vida, mas ao conhecer bem seus sintomas você poderá dominar tanto a doença de Crohn como suas complicações (como a obstrução do tubo intestinal e a inflamação interna).

A melhor forma de encontrar o diagnóstico da doença de Crohn é consultando um médico especialista, mas você também pode conhecer suas causas e sintomas para estar atento e conhecer mais seu corpo.

Causas

As causas exatas da doença de Crohn são desconhecidas. Há algumas teorias baseadas no conhecimento de que é um transtorno autoimune, isso quer dizer que o sistema imune ataca seu corpo por erro, destruindo tecido saudável, mas nada comprovado. As possibilidades de sofrer síndrome de Crohn aumentam com a presença de certos fatores.

  • Genéticos. Os antecedentes familiares aumentam a predisposição a sofrer mal de Crohn. 20% dos pacientes têm irmãos, filhos, pais ou algum parente próximo doente.
  • Ambientais. a poluição e a contaminação também têm uma grande influência na composição da flora intestinal e o funcionamento do sistema digestivo.
  • Estilo de vida. Como toda doença também tem entre suas possíveis causas o estilo de vida. Fumar, uma alimentação insuficiente durante a infância e uso de tabaco também aumentam o risco de sofrer os sintomas da doença de Crohn.

Sintomas

Os sintomas da doença de Crohn não são sempre os mesmos, variam segundo a parte do trato digestivo afetada. Mas os seguintes são os mais comuns e que você pode sofrer.

  • Cólicas. A dor abdominal e as cólicas são alguns dos sintomas de uma doença inflamatória intestinal mais comum, sem sombra de dúvidas. Principalmente quando a inflamação se encontra nessa área.
  • Febre. O sistema imune responde aumentando a temperatura corporal buscando liberar o corpo dos agentes negativos. A febre é um sintoma ao qual não escapa quase nenhum paciente de Crohn.
  • Falta de apetite. Ao afetar o trato digestivo é normal que você não tenha fome, o que produz a perda rápida de peso.
  • Necessidade de defecar. Quando a inflamação afeta a parte baixa do trato digestivo pode produzir a sensação de necessidade de defecar, embora você já não tenha nada no seu intestino para expulsar. É um dos sintomas de Crohn mais dolorosos e incômodos.
  • Diarreia. A expulsão de fezes líquidas com ou sem sangramento é um dos sintomas do mal de Crohn aos que mais atenção você deve prestar, já que pode significar uma doença avançada e que deve ser tratada rapidamente.

Tratamentos para doença de Crohn

Além do acompanhamento médico e do que o especialista possa prescrever, há dois pilares fundamentais na hora de tratar a síndrome de Crohn: a dieta e as terapias naturais que você pode fazer para melhorar deste problema o quanto antes.

Dieta

O tratamento para a doença de Crohn se baseia principalmente numa dieta, a qual deverá ser acompanhada do uso de medicamentos para tratar a diarreia ou outros específicos para reduzir o surgimento dos sintomas de Crohn. No caso de não responder a este tratamento, é possível que você deva se submeter a uma intervenção cirúrgica para extirpar partes danificadas do intestino.

A dieta para a doença de Crohn consiste num balanço saudável e equilibrado com os nutrientes necessários e todos os tipos de alimentos. Cada pessoa pode precisar de uma dieta Crohn diferente, você deve reconhecer quais são os alimentos que pioram os sintomas. Mas estes são alguns dos melhores conselhos para modificar sua dieta e estilo de vida através de um tratamento natural para a doença de Crohn.

Estes são alguns bons truques para levar a dieta para a doença de Crohn:

  • Coma 5 vezes por dia. Ingerir pequenas porções divididas no café da manhã, meia manhã, almoço, lanche e jantar é essencial para que seu sistema digestivo funcione corretamente.
  • Beba água. Manter-se hidratado também te mantém saudável. Tome água frequentemente ao longo do dia.
  • Tome infusões. O chá verde, chá de olmo e chá branco são algumas das mais recomendadas por seus benefícios para o trato digestivo.
  • Evite a fibra. Não há dúvida que a fibra tem benefícios, entre eles aliviar a prisão de ventre. Justamente por esta razão você deve evitá-los se sofre da doença de Crohn.
  • Evite alimentos gordurosos. Isto deveria ser aplicado em qualquer dieta saudável. Evite a manteiga, creme, margarina e outros alimentos ricos em gordura.
  • Reduza os lácteos. É possível que você sofra problemas para digerir os lácteos, afetando o funcionamento do seu sistema digestivo. Escolha produtos baixos em lactose.
  • Evite alimentos que provocam gases. Brócolis, repolho, lentilha, batata, leite e qualquer outro alimento que te produza gases ou inflamação.

Remédios

Embora os remédios naturais não são uma garantia de nada quando se sofre de mal de Crohn, também é verdade que uma série de plantas com boas capacidades digestivas podem te ajudar sem nenhum tipo de problemas. Você pode levar em conta algumas como a camomila, a melissa ou erva-cidreira, a água ou leite de arroz, o psyllium ou plantago e o óleo de sementes de linho, entre outros.

Entrevista com Joaquim, um paciente com doença de Crohn

Além disso, para que você possa continuar conhecendo mais sobre o mal de Crohn, não perca esta entrevista que fizemos com o Joaquim. Ele é o responsável por um grande blog dedicado à doença de Crohn (https://crohncolitispuzol.wordpress.com/), no qual comenta habitualmente tudo o que tem a ver com este problema. Isto te ajudará a descobrir muito mais sobre o que significa.

- O que é a doença de Crohn e quando você foi diagnosticado com ela?

- A doença de Crohn é uma doença inflamatória crônica com manifestações descontínuas que afetam principalmente o tubo digestivo, em toda sua extensão (da boca até o ânus) cuja origem, não precisa, se estabelece em componentes genéticos e ambientais. Junto com a colite ulcerosa forma parte das chamadas doenças inflamatórias intestinais.

A doença de Crohn produz sintomas significativos tais como dor abdominal, diarreia, incontinência fecal, sangramento retal, perda de peso e fadiga. Os sintomas extraintestinais podem comprometer a pele, as articulações, a via biliar e os olhos. Fui diagnosticado de Crohn em 1988, no Hospital de Sagunto.

- A doença de Crohn tem cura descoberta? Como é o seu tratamento?

- Segundo minhas informações até agora, não tem cura, e como disse antes é uma doença crônica.

Meus tratamentos desde 1988 até a atualidade foram numerosos e bastante agressivos:

  • Anti-inflamatórios: Mesalacina.
  • Corticoides por via oral e na veia.
  • Imunosupressores: Azatioprina.
  • Antidiarreicos: hidrocloreto de loperamida.
  • Cálcio
  • Antibióticos: Metronidazol, Ciprofloxacina.
  • Biológicos: Adalimumab.

Estes são os medicamentos que eu tomei, agora estou na atualidade com:

  • Mesalacina, 4 g.
  • Azatioprina, 150m.
  • Prebióticos.

- Existem remédios ou terapias naturais que ajudem a tratar a doença de Crohn?

- Não sei e nem me importa, já que tive uma experiência muito ruim, que se não a deixo talvez nem estivesse aqui, e o pior de tudo é que disseram para a minha esposa que essa doença era câncer.

- Pode-se levar uma vida normal com Crohn?

- Como todas as doenças crônicas, há pessoas que são atacadas pela doença mais do que outras, por regra geral hoje em dia com a nova medicação biológica, se conseguiu uma maior qualidade de vida, com menos baixas laborais e menos internações hospitalares e operações.

- Por último, você pode adicionar o que considerar necessário.

- O Crohn é uma tragédia para a vida da pessoa, aparece geralmente em pessoas jovens, quando essa pessoa começa a buscar sua personalidade profissional ou formar uma família.

É uma doença depressiva que, se a pessoa que não estiver forte psiquicamente, pode cair num isolamento profundo, já que é uma dolência muito feia, com diarreias, incontinência fecal, dores na barriga, musculares, não tem a tranquilidade de ir pela rua e não ter vontade de defecar e não encontrar um banheiro em seguida, porque quando sente vontade, não demore nem um minuto porque se não você já fez nas calças. Você não pode ficar com os amigos/as com segurança, quase sempre está cansado. Enfim, para saber o que é este problema, você tem que sofrer com ele. É muito triste esta doença, porque já a estão diagnosticando em crianças.

Há associações de pacientes de Doença Inflamatória Intestinal, por todas as comunidades da Espanha, é muito importante pertencer a elas, porque te ajudam muito para poder viver e te fazem sentir mais seguro. Você pode se comunicar com outras pessoas que têm o mesmo que você e cada um tem truques para poder sair de certos compromissos intestinais. E também têm força as associações diante das administrações oficiais, para a implantação, o antes possível na Espanha, dos novos medicamentos que estão aparecendo.

Eu estou na Associação de Crohn e Colite Ulcerosa da Comunidade Valenciana (ACCU-Valencia). Na Espanha está a Confederação de Associações de Doentes de Crohn e Colite Ulcerosa.

Diferenças entre doença de Crohn e colite ulcerosa

Já escutou falar que a doença de Crohn ou a colite ulcerosa eram a mesma coisa? Pois embora a doença de Crohn e a colite ulcerosa sejam definidas como doenças inflamatórias intestinais não são a mesma coisa e é importante esclarecer suas diferenças para evitar um mau diagnóstico.

Os sintomas da colite ulcerosa e da doença de Crohn se parecem, mas as áreas afetadas nem sempre são as mesmas. A doença de Crohn (como você já sabe) pode afetar qualquer parte do trato digestivo, enquanto a colite ulcerosa se limita ao cólon. As lesões que provocam também não são iguais, a colite ulcerosa não produz danos no intestino delgado.

O tratamento da colite também propõe uma dieta baixa em gordura, lácteos e fibra que deve ser desenvolvida por um nutricionista especializado.

Outras doenças inflamatórias

Você já conhece os sintomas de uma doença inflamatória intestinal. Mas o seu corpo pode sofrer inflamação por diversas razões em qualquer parte do corpo. Preste atenção nos sintomas destas para tratá-las rapidamente no caso de sofrer alguma delas.

  • Psoríase vulgar. Esta doença aparece quando se combinam dois fatores: ambientais e genéticos. Caracteriza-se pelo surgimento de lesões cutâneas de cor vermelha e com escamas brancas.
  • O lúpus. É uma doença autoimune que provoca o ataque do sistema imunológico aos tecidos e órgãos do seu corpo. Isto produz alterações no seu funcionamento, compromete especialmente o coração, os pulmões, o cérebro, os rins, a pele e as articulações.
  • Líquen plano. É uma erupção que aparece na pele e na boca, embora também possa afetar o cabelo e as unhas. Sua aparência é de lesões avermelhadas inflamadas de tamanho irregular.

Você sofre da doença de Crohn?

Sim

1/1

Não

0/1

Não sei

1/0

Algo que você queira recomendar sobre o assunto?




IMPORTANTE: A missão do "O que é a doença de Crohn e quais são os seus sintomas?" é te ajudar a estar informado. NUNCA substitua a consulta médica.

Nenhum comentário

Você pode comentar no Facebook e no Google +, ou se preferir fazê-lo de forma anônima no nosso sistema de comentários

Comente no Facebook
Comente na Innatia

Escreva seu comentário sobre "O que é a doença de Crohn e quais são os seus sintomas?"

Comente no Google+