O cloreto de magnésio pode ajudar a melhorar a memória?

Uma ajuda excepcional

O cloreto de magnésio é uma das melhores maneiras de incorporar a dose necessária de magnésio ao organismo. Sua falta provoca diferentes problemas, entre elas a falta de memória. Saiba como pode te ajudar a recuperar a memória, lendo este artigo...

Se você é das pessoas que não lembra onde deixou as chaves de casa, ou esquece com facilidade aniversários e compromissos, o magnésio é a solução para seus problemas de memória.

O passar inexorável do tempo provoca uma dramática diminuição na capacidade de recordar as lembranças quando se proporciona informação incompleta por parte dos neurônios.

O magnésio cumpre no sistema nervoso a função primordial de agir na formação de neurotransmissores e neuromoduladores.

Num estudo, publicado em 28 de janeiro de 2010 na revista científica Neurona, os neurocientistas do Instituto de Tecnologia de Massachusetts e da Universidade de Tsinghua em Beijing, descobriram que o aumento dos níveis de magnésio no cérebro estão associados a um aumento da memória.

Para chegar a estas conclusões utilizaram diferentes suplementos de magnésio, inclusive o cloreto.

Segundo os resultados obtidos, um aumento de magnésio no cérebro provoca os seguintes benefícios:

  • Melhora a aprendizagem
  • Aumenta a memória de trabalho
  • Melhora a memória de curta e de longa duração

cerebro

Ao ser publicado o estudo, o neurologista Susumu Tonegawa, um dos autores, declarou: "Este estudo não só deixa em destaque a importância de manter uma dieta diária com suficiente magnésio.

Também sugere a utilidade dos tratamentos à base de magnésio para a deterioração da memória associada com o envelhecimento ", num boletim de imprensa.

Outro dos investigadores, Guosong Liu, manifestou sua preocupação diante do assunto dizendo: "A metade da população do mundo industrializado tem uma deficiência de magnésio".

O que você pode fazer para prevenir a deterioração da memória?

A recomendação diária deste apreciado mineral se situa nos 400 miligramas, para que possa cumprir adequadamente com algumas das suas funções importantes.

Mas ao que parece, esta dose é insuficiente para a função ótima do cérebro. Através dos anos se viu uma melhora importante para a saúde na área do cérebro, em pessoas que consomem diariamente 600 miligramas de magnésio.

Como primeira medida, você deve controlar se está ingerindo diariamente alimentos ricos em magnésio. Se não for assim aumente o consumo de vegetais de folha verde como o espinafre, os legumes e os frutos secos.

Estes alimentos podem te ajudar a combater a perda de memória associada ao envelhecimento.

Você também deve incorporar suplementos alimentares derivados do magnésio, como é o caso do cloreto.

O cloreto de magnésio é a forma na qual o organismo assimila de melhor maneira este mineral. Você tem diferentes formas para consumi-lo:

Como você deve tomar o cloreto de magnésio

Para que você se aprofunde mais no assunto, veja este vídeo que te ensinará como prepará-lo e tomá-lo:

Você já consumiu cloreto de magnésio para a memória?

Gráfico da enquete: Você já consumiu cloreto de magnésio para a memória?

Sim, consumi

36

Não consumi ainda

12

Quero começar a consumir

22

Como você o consumiu?




IMPORTANTE: A missão do "O cloreto de magnésio pode ajudar a melhorar a memória?" é te ajudar a estar informado. NUNCA substitua a consulta médica.

Nenhum comentário

Você pode comentar no Facebook e no Google +, ou se preferir fazê-lo de forma anônima no nosso sistema de comentários

Comente no Facebook
Comente na Innatia

Escreva seu comentário sobre "O cloreto de magnésio pode ajudar a melhorar a memória?"

Comente no Google+