O que é o tarô

Definição do tarô

O Tarô era conhecido na Idade Média como um livro de sabedoria. Na atualidade, as cartas do Tarô representam um meio para despertar as faculdades de adivinhação a partir do desenvolvimento da clarividência.

Tarô, o que é

Sabia que os símbolos arquetípicos das cartas de Tarô relacionados com os assuntos da vida cotidiana permitem explorar a história pessoal? É isso mesmo, desse jeito, você poderá ver mais claramente a realidade da existência.

O Tarô é um recurso que age como desencadeante para a meditação, a reflexão e a contemplação. Permite a análise de problemas e a clarificação das decisões a tomar. A prática no jogo do Tarô estimula a intuição, o autoconhecimento e o crescimento espiritual.

Através da leitura das cartas de Tarô se pode ter acesso a uma dimensão do universo, que de outro modo permaneceria oculta. Seus símbolos oferecem uma visão alternativa e uma nova perspectiva diante dos problemas da vida. Não se trata de que sejam necessariamente preditivas, mas sim, por outro lado, podem dar importantes sinais de atenção sobre o futuro.

Os 22 Arcanos Maiores indicam situações e estados internos de profundo significado pessoal e espiritual, que constituem arquétipos universais. O Tarô foi concebido como um sistema de aprendizagem humana e esotérica e como tal, deve ser considerado uma orientação e nunca um vaticínio, como um livro das infinitas respostas, tal como era entendido pelos sábios medievais.

Tipos de Tarô

Existem diversos tipos de Tarô e todos têm o mesmo poder para despertar as capacidades de clarividência dormidas. Só a prática permite desenvolvê-la para poder estar certos de que o que se manifesta na nossa consciência é fruto desta e não da mera intuição. A seguir você encontrará alguns dos tipos de tarô mais usados.

  • Tarô egípcio. Se seguir o link anterior você encontrará as particularidades do Tarô egípcio, com suas semelhanças e diferenças com relação a outros tipos de Tarô.
  • Tarô astrológico. Sabe o que é e como funciona o tarô astrológico? Laura Casas te revela neste artigo a técnica que relaciona as cartas do Tarô com os signos do zodíaco.
  • Tarô de Marselha. O Tarô de Marselha ou de Paul Marteau é, sem sombra de dúvidas, o mais conhecido e tradicional, fora dos países anglo-saxônicos, e acredita-se que se originou no século XVI.
  • Tarô cigano. Alguns consideram que o Tarô cigano está inspirado no Tarô egípcio, enquanto outros acreditam que é uma adaptação do Tarô de Marselha. De qualquer forma, tem suas próprias características, que ameritam considerá-lo de forma específica.
  • Tarô celta. Por último, o Tarô Celta ou Tarô dos druidas está baseado tanto na antiga cultura celta, como nas tradições irlandesas e em seus deuses.

Que tipo de Tarô te interessa?

Egípcio

3/0

Astrológico

1/0

De Marselha

1/0

Cigano

1/0

Celta

2/0

Das fadas

De Osho

De Rider Waite

2/0

De Eliphas Levi

3/0

De Crowley

1/0

Eteilla

1/0

De que outro tipo de Tarô você busca informação?




Nenhum comentário

Você pode comentar no Facebook e no Google +, ou se preferir fazê-lo de forma anônima no nosso sistema de comentários

Comente no Facebook
Comente na Innatia

Escreva seu comentário sobre "O que é o tarô"

Comente no Google+