O que é o I Ching? Descubra como funciona e para que serve

O livro das mutações

O I Ching é um livro milenar que foi criado por várias dinastias chinesas e aprofundado pelo filósofo chinês Confúcio. Este livro tem a utilidade de um oráculo. Aprenda o que é o I Ching no seguinte artigo.

O Grande Tratado sobre o I Ching, também conhecido como Livro das Mutações, é um oráculo chinês que foi desenvolvido por várias gerações, começando pelo primeiro imperador da China, Fu Hsi, há mais de 4500 anos.

Origem do I Ching

Reza a lenda que este místico imperador, através da contemplação dos astros e da Terra, criou oito símbolos, denominados trigramas, que lhe ajudariam a entrar em contato com as energias dos deuses e, dessa forma, compreender o sentido da vida na terra.

Esta é uma das bases que explicam a natureza do I Ching como um oráculo, ou melhor, uma forma de ver a vida, baseada na cosmologia chinesa.

Seu desenvolvimento continuou muitos anos depois, durante a dinastia Shang (aproximadamente 1500 a.C). Esteve a cargo do governador da província de Chou, chamado Wen, que em 1143 a.C foi preso pelas forças imperiais da capital. Durante seu longo cativeiro estudou os oito trigramas e os combinou em 64 casais de hexagramas, os batizou e adicionou um texto explicativo.

Foi um tempo depois que o filho de Wen, chamado Tan (fundador da dinastia Chou), estudou o texto do seu pai e deu uma interpretação pessoal a cada texto explicativo. Durante esta época, o texto recebeu o nome "As Mutações de Chou"

Só no começo do século V, o filósofo chinês Confúcio se dispôs a estudar o texto. Já com idade avançada, foi acrescentando valiosas informações. Foi assim que esse material passou às mãos dos seus discípulos e assim sucessivamente geração após geração, sendo batizado com o nome "I-Ching" e conformando o oráculo mais venerado e antigo do Oriente.

O que é um oráculo e para que serve

Os oráculos existem no mundo há tempos imemoriais. Todas as culturas antigas tiveram curiosidade por saber o que depara o futuro e muitas desenvolveram oráculos complexos e muito extensos. Em alguns lugares do planeta, os oráculos estavam intimamente relacionados com a religiosidade e a espiritualidade.

Na antiga Grécia, se pagava a sacerdotisas para que consultassem os deuses sobre o futuro. A história do oráculo I Ching é diferente, já que se trata de um oráculo na forma de livro, que segundo a tradição, foi escrito pelo imperador chinês Fu Hsi. Acredita-se que o I Ching deriva de uma técnica muito antiga de adivinhação que remonta a 5000 a.C.

Este livro se baseia em oito trigramas, dos quais derivam 64 hexagramas, que são símbolos que representam estados de mudança e através dos quais se pode consultar o oráculo. Para consultar o I Ching não se pode fazer perguntas que possam ser respondidas afirmativa ou negativamente. Deve-se consultar sobre caminhos a seguir, numa determinada situação.

As partes do I Ching

Este livro contém vários componentes simbólicos e ideológicos que se utilizam para determinar as respostas para as perguntas que você pode realizar ao oráculo.

Os cinco elementos

  • A Água: está relacionado à estação inverno.
  • A Madeira: rege a primavera.
  • O Fogo: se relaciona com o verão
  • O Metal: se relaciona com o outono
  • A Terra: se relaciona com todas as estações do ano.

Conhecer como interagem estes elementos do I Ching te ajudará a compreender a natureza dos trigramas, já que cada um se relaciona com um dos elementos.

iching2

O Ying e o Yang

O Yang se vincula com o Sol e a luz, enquanto o Ying significa sombra e escuridão; posteriormente, estes dois polos também se relacionam com o masculino e o feminino. Na região clara do Yang existe um ponto escuro, e na região escura do Ying, um claro.

Isso significa que, ainda no estado mais puro, cada polo contém o princípio do outro e não podem ser concebidos um sem o outro.

As linhas do I Ching

As linhas inteiras e partidas que conformam os trigramas referem aos princípios fundamentais da existência:

  • Linha inteira: simboliza o Céu ou Yang. Representa os aspectos ativos, masculinos e positivos.
  • A linha partida é a Terra ou Ying. Simboliza os aspectos passivos, femininos e negativos.
  • Os oito trigramas se vinculam com os Ventos, e estes desenhos se encontram dispostos num octógono que conforma a rosa dos ventos soprando em oito direções: Norte, Sul, Leste, Oeste, Nordeste, Noroeste, Sudeste e Sudoeste.

Os oito trigramas abrangem todas as possibilidades de combinação entre as linhas do Ying e o Yang no I-Ching. Os trigramas falam da forma que você tem de se vincular com as forças do mundo e entender a condição humana.

Hexagramas do I Ching

O livro oráculo I Ching está composto por 64 hexagramas, que são figuras compostas por seis linhas horizontais empilhadas. Cada linha é um Yang se for uma linha ininterrupta ou um Ying se for uma linha interrompida por um espaço no centro.

Os hexagramas estão conformados pela combinação dos oito trigramas. Cada hexagrama possui uma descrição, que é a que se utiliza como resposta para as perguntas do oráculo.

hexagrama

Nomes dos hexagramas I Ching

Estes são os nomes com os que se conhecem os 64 hexagramas do I Ching.

  1. 1 - O criativo - O céu - O movimento
  2. 2 - O receptivo - A terra - A proteção
  3. 3 - A dificuldade inicial - Brotar - Começar algo novo
  4. 4 – A necedade juvenil - O aprendiz - A inexperiência juvenil
  5. 5 - A espera - A paciência - A resistência às forças prejudiciais
  6. 6 - O conflito - O desacordo - O litígio
  7. 7 - O exército - O líder - As massas
  8. 8 - A solidariedade - a reunião - A aliança
  9. 9 - A força domesticadora do pequeno – Frágil influência - Suave progresso
  10. 10 - O porte - A pisada - O comportamento
  11. 11 - A paz - A abundância - A prosperidade
  12. 12 - O estancamento - A desunião - A separação
  13. 13 - A comunidade com os homens - A comunidade - A amizade
  14. 14 - A posse do grande - O domínio - A posse
  15. 15 - A modéstia - O recato - O respeito
  16. 16 - O entusiasmo - A felicidade - O fervor
  17. 17 - O seguimento - A pegada
  18. 18 - O trabalho no que se perdeu - A decadência - A decomposição
  19. 19 – A aproximação - Vigiar - Incentivar
  20. 20 - A contemplação - Olhar para cima - Analisar
  21. 21 - A mordida contundente - Eliminar obstáculos - Quebrar drasticamente
  22. 22 - A graça - a aparência - A elegância
  23. 23 - A desintegração - A opressão - A quebra
  24. 24 - O retorno - A volta
  25. 25 - A inocência - A inexperiência - A espontaneidade
  26. 26 - A força domesticadora do grande - Grande dedicação - Desenvolvimento da personalidade
  27. 27 - As comissuras da boca - Engolir - A saúde
  28. 28 - A preponderância do grande - A sobrecarga - A ruptura
  29. 29 - O abismal - O precipício - Águas perigosas
  30. 30 - O aderente - O discernimento - A rede
  31. 31 - O influxo - A influência - A atração mútua
  32. 32 - A duração - A estabilidade - A constância
  33. 33 - A retirada - Retroceder - Esquivar
  34. 34 - O poder do grande - O grande poder - A iniciativa
  35. 35 - O progresso - O avanço - Prosperar
  36. 36 - O escurecimento da luz - O prejuízo - O eclipse
  37. 37 - O clã - A família - O lar
  38. 38 - O antagonismo - A oposição - O desapego
  39. 39 - O impedimento - La obstrução - Enfentando um problema
  40. 40 - A liberação - O alívio - O desabafo
  41. 41 - A míngua - A diminuição - A limitação
  42. 42 - O aumento - O incremento - O acúmulo
  43. 43 - O transbordamento - A revolução - Organizar definitivamente
  44. 44 - Ir ao encontro - Encontro inesperado - A complacência
  45. 45 - A reunião - A unidade - Agrupar-se
  46. 46 - A subida - O empurrão para cima
  47. 47 - A desesperança - A opressão - A adversidade
  48. 48 - O poço - A fonte
  49. 49 - A revolução - A muda - A renovação
  50. 50 - A caldeira - A marmita - O recipiente sacrificial
  51. 51 - A comoção - O suscitante - Tempos agitados
  52. 52 - A tranquilidade - A imobilidade - O repouso
  53. 53 - A evolução - O progresso paulatino - O avanço
  54. 54 - A desposada - A garota que se casa - A concubina
  55. 55 - A plenitude - A riqueza
  56. 56 - O andarilho - A viagem - O vagabundo
  57. 57 - O suave - O penetrante - A persistência
  58. 58 - O sereno - O lago - Recolher-se
  59. 59 - A dissolução - A dispersão - A debandada
  60. 60 - A restrição - A limitação - A moderação
  61. 61 - A verdade interior - O retorno ao centro - Fé interior
  62. 62 - Preponderância do pequeno - Pequenas conquistas - Importância do pequeno
  63. 63 - Depois do consumo - O ponto de retorno - Fechar um ciclo
  64. 64 - Antes do consumo - Voltar a começar – O futuro

iching

Como se utiliza o I Ching?

Antes de consultar este oráculo você deve levar em conta algumas particularidades:

  • A tradição Chinesa estabelece que o I Ching deve ser guardado num pano de seda. Se for utilizá-lo, deve lavar bem as mãos e desentolar a tela como uma tolha de mesa.
  • Antes de fazer sua consulta deve escolher adequadamente as palavras que utilizará e evitar as perguntas de sim ou não. Este oráculo não estabelecerá o momento no qual acontecerá o fato previsto. Pontue o tempo na sua pergunta.
  • Faça uma meditação profunda da pergunta que quer realizar. Uma tiragem de I Ching te ajudará a abrir os olhos sobre possibilidades que talvez não tenha levado em conta.

Tiragem do I Ching

  • Você precisa de 3 moedas iguais, e estabelecer claramente qual é a cara e qual é a coroa.
  • Você deve tirar as três moedas, seis vezes para formar o hexagrama correspondente.
  • Desenhe num papel duas colunas. Ali registrará os resultados que formarão o hexagrama.
  1. Se saírem duas caras e uma coroa significará que você deve desenhar uma linha descontínua nas duas colunas.
  2. Se saírem duas coroas e uma cara significará que você deve desenhar uma linha contínua nas duas colunas.
  3. Se saírem três caras você terá o que se chama mutação. Então desenhará na primeira coluna uma linha descontínua, e na segunda uma contínua.
  4. Se saírem três coroas também terá uma mutação, mas desta vez será ao contrário. A primeira conterá uma linha contínua e a segunda uma descontínua.
  5. Se saírem nas duas colunas o mesmo hexagrama significa que não há mutação. Apenas faremos uma leitura, o hexagrama da esquerda. Se saírem mutações, dará lugar a dois hexagramas diversos, razão pela qual corresponderão duas interpretações da mesma pergunta. Caso se contradigam o hexagrama da direita e o hexagrama da esquerda, terá mais valor o da direita, que é a mutação.

Tiragem grátis do I Ching

Além da forma tradicional de jogar o I Ching, com o livro e as moedas, hoje existem muitos I Ching online grátis na web que você pode utilizar para consultar:

  • www.losarcanos.com: o I Ching Os Arcanos é um dos I ching online mais populares da web. Ao realizar a tiragem, você encontrará uma interpretação de cada hexagrama que saiu na tiragem e uma interpretação geral da tiragem.
  • www.adivinario.com: o I Ching Adivinario também oferece uma tiragem muito completa que explica e interpreta cada um dos hexagramas para oferecer finalmente uma interpretação global da tiragem.

Mais mancias adivinhatórias

Se te interessam as mancias adivinhatórias, aqui eu compartilho outros tipos de mancias e oráculos que você pode gostar:

  • O que é a cristalomancia: a cristalomancia é a arte de adivinhar através de uma bola de cristal. Conheça aqui como se realiza a cristalomancia e o que você pode verificar com esta mancia.
  • Leitura do café: a leitura do café ou cafeomancia é uma antiga técnica adivinhatória que se realiza lendo a borra sobrante de um café recém-tomado. Saiba como aprender a identificar os símbolos que ficam no seu café e o que pode saber através deles.
  • Como jogar o tarô: o tarô também é uma técnica adivinhatória que se utiliza para saber que caminhos escolher diante de determinadas situações. Conheça os diferentes tipos de tarô e aprenda como jogar as cartas você mesmo.

Você acredita que as respostas do I Ching servem como oráculo?

Gráfico da enquete: Você acredita que as respostas do I Ching servem como oráculo?

Sim. Acredito nas interpretações do I Ching.

17

Não sei. Nunca consultei.

5

Não. Não acredito que este livro sirva como oráculo.

0





Nenhum comentário

Você pode comentar no Facebook e no Google +, ou se preferir fazê-lo de forma anônima no nosso sistema de comentários

Comente no Facebook
Comente na Innatia

Escreva seu comentário sobre "O que é o I Ching? Descubra como funciona e para que serve"

Comente no Google+