O que é a febre tifoide e como se cura com remédios caseiros?

Quais são os sintomas de febre tifoide e suas consequências

A febre tifoide em crianças e adultos pode ser muito perigosa. A princípio pode ser confundida com outros problemas digestivos, devido ao surgimento tardio dos seus sintomas, mas você deve prestar mais atenção do que pensa para preveni-la.

Alguma vez você escutou falar desta doença? Sabia que pode trazer graves consequências se não for tratada? Saiba o que é a febre tifoide, seus sintomas, consequências e os melhores remédios para tratá-la. Além disso você também saberá mais sobre a diferença entre a febre tifoide e paratifoide que, embora sejam causadas por bactérias parecidas, não são a mesma coisa.

O que é a febre tifoide

Em primeiro lugar você deve saber o que é a tifoide e como se cura é o segundo passo. A febre tifoide é uma doença infecciosa sistemática que pode afetar qualquer pessoa que não esteja imunizada.

É causada pela infecção da Salmonella Typhi, uma bactéria presente em alimentos contaminados, principalmente a carne crua, aves e ovos; embora também possa estar presente na água, vegetais, ovos, sorvetes e mariscos.

Também existe a febre paratifoide, causada pela bactéria Salmonella Paratyphi, que tem sintomas parecidos mas é mais benigna.

Diagnóstico da febre tifoide

O diagnóstico de febre tifoide ou febre entérica deve ser rápido já que os sintomas podem piorar rapidamente e as consequências da febre tifoide podem ser muito graves, chegando à morte nos casos mais extremos.

Entre as sequelas da febre tifoide de maior gravidade se destacam a hemorragia gastrointestinal, que ocorre quando não é tratada, a longo prazo. Outra grave consequência pode ser a perfuração intestinal, problemas psiquiátricos e, claro, a propagação da infecção a outros órgãos do seu corpo.

A melhor forma de saber se você tem ou não febre tifoide é consultando um médico que vai realizar os exames necessários para verificá-lo, entras os quais se destacam o hemocultura e coprocultura.

Como preveni-la

Não é difícil prevenir a febre tifoide, mas você deve estar atento para não se contagiar. Lembre-se que a febre tifoide em crianças é bastante comum e tem um sistema imune muito mais frágil que os adultos, portanto os sintomas podem ser muito fortes e causar drásticas consequências.

  • Mantenha a higiene. Essencial, a higiene, lave as mãos para evitar a infecção, principalmente depois de manipular carnes cruas, ovos e outros alimentos que possam estar contaminados. Na hora de cozinhar previna a contaminação cruzada, não use a mesma tabela para carnes cruas que para as verduras ou alimentos já cozidos.
  • Evite alimentos contaminados. Não beba água de procedência duvidosa, é recomendável escolher água engarrafada e de fontes seguras.
  • Evite os alimentos crus. Em condições normais, ou seja, países onde a febre tifoide não é endêmica, evite o consumo de todo tipo de carnes ou ovos crus. Se você está em países onde é endêmica, também deverá evitar o consumo de todo tipo de alimento cru, inclusive frutas e verduras, já que podem ter sido lavadas com água contaminada.
  • Cozinhe bem os alimentos. A melhor forma de cozinhar carnes, aves e ovos para matar a bactéria é de forma que alcancem uma temperatura interna de, pelo menos, 75ºC durante alguns minutos. A fritura, tão comum nos hambúrgueres, salsichas e outros pratos não elimina a bactéria, por isso é tão comum na comida rápida.
  • Tome vacinas. Se você vai viajar para um país ou cidade onde as condições higiênicas não são as melhores, é recomendável tomar uma vacina específica para prevenir esta doença. Não é totalmente eficaz, mas sim uma grande ajuda.

Sintomas da febre tifoide

Os principais sintomas de febre tifoide variam segundo o período de incubação, imunidade das pessoas afetadas e a quantidade de bactérias que ingeriram (ou seja, não é a mesma coisa que você tenha tomado um pouco de sorvete contaminado que um prato com carne mal cozida).

Estes sintomas podem aparecer de 7 a 21 dias depois da exposição à bactéria e aparecem gradualmente, razão pela qual podem ser confudidos tranquilamente com qualquer outra patologia.

  • Febre. Um dos princípios de tifoide, como em qualquer outra infecção, é a febre elevada e que não baixa durante longos períodos, geralmente chega aos 39ºC ou 40ºC.
  • Fraqueza. Ao ter uma bactéria afetando seu sistema imune é normal que você se sinta fraco e sem vontade.
  • Dor. Como a bactéria inicialmente ataca seu estômago, você sentirá dor abdominal, mas também pode sofrer dores de cabeça e musculares. Este mal-estar pode estar acompanhado de diarreia, embora seja pouco comum.
  • Perda de apetite. É normal que você não tenha vontade de comer nada, já que seu sistema digestivo está sendo atacado por esta nociva bactéria.
  • Erupção cutânea. Podem aparecer manchas de cor rosa na sua pele, é uma reação do seu corpo a um visitante desconhecido ou maligno.

A febre tifoide é contagiosa?

A febre tifoide se contagia pelo consumo de alimentos ou bebidas contaminadas, seja pelo contato com fezes contaminadas ou por um espaço em más condições higiênicas onde a bactéria possa crescer. Também pode ser transmitida pelas moscas aos alimentos e bebidas.

Ou seja, o contágio indireto entre pessoas é possível, entretanto o contágio direto entre seres humanos é muito pouco frequente, embora não seja impossível. Tem que ocorrer condições muito específicas para que isso aconteça.

Remédios caseiros para a febre tifoide

Os remédios para a febre tifoide que seu médico vai te receitar devem ser consumidos no tempo e forma correta para eliminar completamente a bactéria. Receitam-se antibióticos específicos, mas uma das recomendações mais importantes é que você beba muito líquido, dentro do possível rico em eletrólitos.

Você pode acompanhar este tratamento com alguns remédios caseiros para a febre tifoide que controlarão os sintomas e te farão sentir melhor rapidamente.

Água de coco

A água de coco, além de ser uma bebida 100% natural e deliciosa está carregada de eletrólitos que te ajudarão a recuperar seu corpo da infecção. É muito nutritiva, tem ação diurética (isso significa que colaborará para eliminar as bactérias), mas seu maior benefício é que está recomendada para casos de desidratação, mas repor rapidamente.

Água

Não é um remédio em si, mas o consumo de água é indispensável para evitar a desidratação tão comum quando você tem febre e diarreia. Em alguns casos se recomenda consumir água fortificada em eletrólitos.

Mel

Você pode adicionar mel na água para aliviar as incomodidades do trato digestivo e aumentar sua energia. Se você é um fanático do mel também pode comê-lo com colher, tudo está permitido com o fim de melhorar sua situação. É um delicioso e nutritivo remédio natural, aproveite os poderes curativos do mel ao máximo escolhendo produtos de qualidade.

Banana

Se você está sofrendo de diarreia, comer umas duas bananas por dia te ajudará notavelmente. Além da pectina que contém, absorverá os líquidos do intestino e o potássio equilibrará a perda de eletrólitos.

Cravo-da-índia

Prepare um chá de cravo-da-índia para aproveitar suas propriedades antibióticas e antibacterianas. Você deve beber este chá várias vezes por dia durante uma semana.

Limão

Ao ser um desinfetante natural te ajudará a alcalinizar seu trato gastrointestinal. Você pode preparar deliciosas limonadas nas quais também pode incorporar outros ingredientes naturais como a menta ou o mirtilo, que também são benéficos em casos de infecções.

O que comer quando você tem febre tifoide

Você ainda não sabe tudo o que é bom para a febre tifoide, já que há uma parte muito importante na recuperação que é levar uma dieta adequada para o seu mal-estar e rica em nutrientes para acelerar sua recuperação.

Alimentos recomendados

Você pode montar uma dieta como mais gostar incluindo arroz, abóbora, frango, vegetais vários, sumos e sopas. Mas que benefícios fornece cada grupo alimentar e por que você deve incluí-los?

  • Vegetais. Certifique-se de incluir vegetais de todo tipo (sempre lavados com água não contaminada), especialmente os que têm propriedades antibacterianas como o alho e a cebola.
  • Frutas. Especialmente os cítricos, como você já sabe o limão é um remédio natural para tratar a febre tifoide. As toranjas, laranjas, tangerinas e qualquer outro cítrico têm propriedades similares que você pode aproveitar em shakes, sumos e saladas de frutas.
  • Germinados. Escolha os tipos de germinados que mais gostar e aproveite suas propriedades em nutritivas saladas.
  • Sopas. Quando você sofre de febre tifoide é muito importante comer para se recuperar, mas às vezes o mal-estar faz que você não queira nem se aproximar de um prato. As sopas são uma boa opção porque contêm muitos nutrientes e é fácil de comer mesmo que você não se sinta bem.
  • Frango. Sempre bem cozido, no vapor ou na chapa, nunca frito. É de fácil digestão e uma alternativa a outras carnes que você deve evitar no momento.

Alimentos desaconselhados

Os alimentos que você não deve comer são tão importantes como os que deve incorporar, já que uma má escolha pode te causar muitas incomodidades mais das que você já tem. Vejamos quais são os alimentos desaconselhados no tratamento de febre tifoide.

  • Alimentos refinados. Açúcar, farinhas, refrigerantes, bolachas e enlatados estão totalmente proibidos na dieta para a febre tifoide, já que contêm químicos que não são de muita ajuda para esta recuperação. É recomendado evitar todo tipo de panificado, já que estes obstruem o intestino e impedem a correta evacuação de toxinas e resíduos, escolha produtos integrais e caseiros.
  • Derivados lácteos. Principalmente o queijo e o leite, já que os iogurtes ricos em probióticos são sim recomendados. No entanto alimentos como o queijo e o leite impedem que os nutrientes se absorvam corretamente, além disso podem produzir indigestão pelas enzimas que contêm.
  • Produtos dietéticos. Além de conter químicos nada recomendados, contêm um adoçante que impede a correta desintoxicação do corpo.
  • Embutidos e carnes. O que você tem que fazer é limpar seu corpo, portanto deve evitar à toda custa consumir alimentos que o contaminem, dois grandes exemplos são as carnes vermelhas e embutidos, além dos alimentos fritos.

Remédios antibacterianos

Embora cada tipo de infecção precise de remédios específicos, a natureza oferece diversas opções antibacterianas que te ajudarão a mitigar os sintomas que produzem as bactérias no seu organismo e a se desfazer delas rapidamente.

  • Os probióticos. Presentes no iogurte, queijo e leite fortificados nestes microorganismos vivos. Vão te ajudar, entre outras funções, no tratamento da bactéria que produz a gastrite, denominada Helicobacter Pylori.
  • A acácia. Esta planta medicinal tem compostos com propriedades microbianas, particularmente eficazes contra uma das bactérias que causam as infecções urinárias, a Streptococcus faecalis.
  • O alho. Ao falar de antibacterianos você não pode esquecer o alho, eficaz para diferentes tipos de infecções: de dente, ouvido, urinárias e até do aparelho respiratório.

Você já sofreu de febre tifoide?

Gráfico da enquete: Você já sofreu de febre tifoide?

Sim

7/0

Não

2/0

Não sei

Como você a tratou?




IMPORTANTE: A missão do "O que é a febre tifoide e como se cura com remédios caseiros?" é te ajudar a estar informado. NUNCA substitua a consulta médica.

Nenhum comentário

Você pode comentar no Facebook e no Google +, ou se preferir fazê-lo de forma anônima no nosso sistema de comentários

Comente no Facebook
Comente na Innatia

Escreva seu comentário sobre "O que é a febre tifoide e como se cura com remédios caseiros?"

Comente no Google+