Os 8 melhores truques para os fungos dos pés

Aprenda como prevenir e eliminar fungos dos pés e das unhas

Os fungos dos pés e das unhas costumam ser muito complicados. Mas a maioria das coisas que os causam podem ser prevenidas com muita facilidade e tomando algumas precauções. Leia estes truques e poderá saber como evitá-los, aprendendo condutas que te ajudarão a que nunca voltem.

Os fungos nos pés, também chamados de onicomicose ou pé de atleta, são mais frequentes do que você imagina. O melhor para evitá-los é prevenir tomando alguns cuidados e se já apareceram fazer tudo o que for possível para que vão embora o quanto antes, com alguns remédios e vários truques.

Por que aparecem os fungos nos pés

A causa principal do surgimento de fungos nos pés é a sudoração frequente na área, assim como frequentar espaços úmidos, por estas razões costumam ser mais comuns no verão. Embora não seja a única estação na qual você pode sofrer com eles.

O crescimento dos fungos é muito lento, quando você notar os sintomas visíveis o fungo já terá atacado quase toda a unha, além da base do pé. Por esta razão o melhor é prevenir os fungos, tomando os cuidados adequados. Os sintomas mais comuns são:

Mudanças na cor da unha, costuma ganhar uma cor amarelada, além disso começa a ficar mais grossa e ganha um aspecto pouco saudável (rachaduras e manchas nas unhas), você também poderia sentir coceira e sensação de ardor. Se o problema é mais grave, você pode sentir um odor desagradável.

Qualquer pessoa pode sofrer de onicomicose, pé de atleta e fungos "comuns"; mas há alguns fatores que aumentam as possibilidades e alguns truques para preveni-los e diminuir seu surgimento.

Como evitar os fungos nos pés

Evite as piscinas e saunas

As visitas a espaços públicos como piscinas ou saunas, onde o ambiente é muito úmido e colabora com o contágio de fungos. No caso de frequentar espaços públicos úmidos, o melhor é utilizar calçado dentro da área de chuveiros para evitar o contacto com o chão, higienizar bem a área e secá-la corretamente.

Use sapatos e meias com ventilação

Os fungos podem contaminar tanto as unhas dos pés como os das mãos, no entanto os mais comuns são os dos pés, isto é pelo ambiente de “caldo de cultivo” que se gera com o calçado. Isto leva a outro ponto importante para o avanço dos fungos dos pés, a utilização de meias e calçados que não tenham a ventilação necessária. As meias mais recomendadas são as de algodão ou outros tecidos porosos, como o linho, e calçados esportivos ou sandálias, enquanto o melhor é evitar meias de tecidos sintéticos que te fazem transpirar, sapatos sintéticos ou muito apertados.

Não compartilhe sapatos, toalhas, meias nem esponjas de banho

No verão utilize calçados abertos como sandálias e durante todo o ano mude suas meias frequentemente. Evite compartilhar meias, sapatos, toalhas e esponjas, já que qualquer um pode ter fungos e contagiá-los.

Mexa periodicamente o esmalte de unha

Outra forma de não permitir a correta ventilação da área é utilizando esmalte para unhas durante muitos dias seguidos, especialmente quando não se usa corretamente, aplicando uma capa sobre outra sem removê-la anteriormente.

Ponha seus pés ao sol

Lembre-se de ventilar com frequência seus pés, você pode fazê-lo antes de ir dormir ou de manhã, quando também pode aproveitar as propriedades do sol para tratá-los.

Cuide a higiene do pé

A falta de higiene é um fator muito frequente também. É importante manter a limpeza dos pés, e especialmente prestar atenção na secagem, para que a área não fique úmida e você possa dar chance aos fungos para atacar. Lembre-se de cortar as unhas dos seus pés frequentemente para evitar que possam se concentrar fungos entre estas e os dedos.

Procure que o pedicure use ferramentas desinfetadas

Utilize elementos de manicure que não estejam contaminados, e quando for a algum centro de beleza consulte sobre a desinfecção dos elementos e verifique que seja confiável, já que é muito comum se contagiar com fungos nestes espaços.

Preste atenção nas doenças que afetam os pés

A idade, doenças como o diabetes e ter as defesas baixas também são fatores que podem aumentar as possibilidades de sofrer de onicomicose.

Hongos

Se você quer experimentar alguns remédios, não se esqueça de ver como tratar os fungos das unhas, também poderá experimentar este remédio de vinagre de maçã para os fungos, que costuma ser um remédio muito eficaz.

Que tipo de fungos nos pés você sofre?

Gráfico da enquete: Que tipo de fungos nos pés você sofre?

Na sola dos pés

85

Nas unhas

320

Nos dedos

81

No pé inteiro

56

Não tenho fungos

11

Como você os combate?




IMPORTANTE: A missão do "Os 8 melhores truques para os fungos dos pés" é te ajudar a estar informado. NUNCA substitua a consulta médica.

Nenhum comentário

Você pode comentar no Facebook e no Google +, ou se preferir fazê-lo de forma anônima no nosso sistema de comentários

Comente no Facebook
Comente na Innatia

Escreva seu comentário sobre "Os 8 melhores truques para os fungos dos pés"

Comente no Google+