O cuidado dos pés

Dicas para ter os pés bonitos e bem cuidados

O bom cuidado dos pés requer uma série de rotinas.

Os pés são uma parte do nosso organismo que costumamos descuidar com frequência. É importante saber que os pés suportam todo o peso do corpo, se encarregam de coordenar os movimentos, o equilíbrio e a manobrabilidade e, também, em sua parte estética, ter uns dedos suaves e umas unhas bem arrumadas mostram uma melhor aparência e dizem muito da imagem da pessoa.

Manter as unhas em perfeito estado se consegue com a realização de uma pedicure a cada quinze dias. Além disso, você deve incluir esfoliação, hidratação e limpeza profunda. Da mesma forma, o uso do calçado e meias também influi na hora de garantir a correta saúde dos nossos pés. O uso de um sapato que não se ajuste às dimensões e a utilização de meias com fibras sintéticas potencializam o surgimento de calos, joanetes, micoses e outras patologias que atentam contra sua saúde e bem-estar.

Assim, umas unhas amarelas, compridas ou sujas e uma pele ressecada ou desidratada pode acabar com a imagem do ser mais belo. Por isso e embora pareça mentira, os pés requerem mais cuidados e atenções do que qualquer outra parte do nosso corpo. Além da sua função anatômica, os pés se tornaram uma parte do corpo que requer tratamentos estéticos específicos, já que a tendência atual da moda em matéria de calçado, principalmente feminino, propõe modelos descobertos. Daí a necessidade de usar produtos que melhorem a circulação e oxigenação dos tecidos desta área e que atuem como protetores contra os efeitos externos provocados pelo meio ambiente.

Outras recomendações para manter saudáveis nossos pés se relacionam com o exercício diário, moderado e cotidiano como andar na ponta dos pés, pular corda, mover os dedos, tentar levantar objetos com os pés, assim como fazer rodar uma pequena bola da ponta dos dedos até o calcanhar. Com relação aos calçados, os especialistas recomendam evitar as pontas estreitas e os que são muito fechados, já que um dos problemas mais frequentes das consultas dos podólogos derivam do mau cheiro que se produz por uma hiperhidrose e uma decomposição bacteriana. Por tudo isso, as micoses, os calos, os joanetes e as rachaduras no calcanhar podem ser evitados com higiene, limpeza exaustiva e outro tipo de cuidados relacionados com o uso de unguentos especiais para a hidratação e a esfoliação, assim como a pedicure ou a aplicação de massagens (cremes ou óleos) que ajudem a eliminar as tensões produzidas pela atividade diária.


Nenhum comentário

Você pode comentar no Facebook e no Google +, ou se preferir fazê-lo de forma anônima no nosso sistema de comentários

Comente no Facebook
Comente na Innatia

Escreva seu comentário sobre "O cuidado dos pés"

Comente no Google+