Como se usa o óleo de alecrim para a memória

Propriedades do alecrim para o cérebro

Uma das plantas com mais história é o particular alecrim. Mas você conhece os efeitos do alecrim para a memória? Já é hora de saber um pouco mais, você vai se surpreender.

Os efeitos do alecrim na memória são bastante renomados no âmbito da medicina natural. Mas quão certos são? Por que o óleo de alecrim é bom para a memória? Você descobrirá tudo neste artigo.

Propriedades do alecrim para o cérebro

Os efeitos do alecrim na memória não são nenhuma novidade, já nas obras de Shakespeare se mencionava como um remédio para a memória. Assim como muitas outras plantas, o alecrim é usado na aromaterapia por suas propriedades terapêuticas.

O alecrim contém diferentes compostos que influem no funcionamento da memória, como por exemplo o cineol. Este composto produz mudanças similares aos medicamentos para tratar a demência, já que produz um notável aumento do neurotransmissor acetilcolina.

Outros componentes que afetam positivamente ao seu cérebro são o ácido cafeico e ácido rosmarínico. São antioxidantes e anti-inflamatórios que, segundo investigações, ajudam a proteger seu DNA dos radicais livres, o que não só seria bom para a memória, mas também para prevenir e tratar o câncer.

Qual é o cheiro do alecrim

Todas as plantas para a memória têm um atributo específico que lhe dá esta propriedade. No caso do alecrim é o aroma. É bastante forte, mas ao mesmo tempo agradável e, é preciso dizê-lo, vai superbem com umas deliciosas batatas no forno. Mas do que talvez você não estava ciente é que esse aroma incentivaria lembrar datas, tarefas, lugares onde você deixou isso que perdeu e mais.

Definir qual é o cheiro do alecrim não é uma tarefa fácil, mas podemos dizer que tem um aroma a acre lenhoso com toques de pinho, limão e cânfora. Este forte mas delicioso aroma se mantém em suas mãos após tocar as folhas do alecrim, é uma das suas principais características. Quanto mais forte o aroma, mais fresca está a planta.

Como preparar óleo de alecrim para a memória

Preparar óleo de alecrim é muito simples. Você só precisa de dois ingredientes e um pouco de paciência. Mas também pode comprá-lo em lojas especializadas como ervanários.

Ingredientes

  • Azeite de oliva
  • Alecrim

Preparação

  • Lave bem o alecrim e deixe que seque completamente de forma natural.
  • Coloque-o num recipiente, sem remover os ramos.
  • Encha o recipiente com azeite de oliva, deve cobrir todo o alecrim.
  • Tampe o recipiente e guarde-o num lugar escuro.
  • Esta é talvez a parte mais difícil: você deve deixá-lo repousar por um mês.

Você pode usar o óleo de alecrim para aromatizar seus ambientes, cheirá-lo e incluí-lo nas suas refeições. Se você se pergunta como fazer essência de alecrim, pois isso é um pouco mais complicado, já que se querem processos industriais, o melhor é ir à loja e comprar a essência pronta.

Como usar o alecrim para o alzheimer

A melhor forma de usar o alecrim para a memória é colocando uns ramos da planta numa garrafa com água de hamamélis no quarto onde passar mais horas ao dia.

Você também pode picar alecrim e preparar cubos de gelo para esfregar sobre o rosto ou então aproveitar a receita do óleo de alecrim ;).

Truques para a memória

Embora o óleo de alecrim tenha maravilhosas propriedades para a memória, você não pode deixá-lo fazer todo o trabalho. Há outros truques e ideias para melhorar as funcionalidades do seu cérebro.

  • Alimentos para a memória. As nozes, cenouras, mirtilo, espinafre, amêndoas, tomate e os cereais são apenas alguns dos alimentos recomendados para melhorar seu rendimento mental.
  • Exercícios para a memória. Não é necessário ter uma idade avançada para ter problemas de memória. Às vezes as distrações e outras questões fazem que você se esqueça das coisas. Agilize essa mente com divertidos exercícios para a memória.
  • Exercícios físicos e memória. A atividade física não só melhora seu corpo, mas também sua mente. Mantenha-se ativo para que sua mente vá pelo mesmo caminho.

Já experimentou óleo de alecrim alguma vez?

Gráfico da enquete: Já experimentou óleo de alecrim alguma vez?

Sim

9/20

Não

3/11

Às vezes eu uso

4/8

Que óleo essencial você usa?




Nenhum comentário

Você pode comentar no Facebook e no Google +, ou se preferir fazê-lo de forma anônima no nosso sistema de comentários

Comente no Facebook
Comente na Innatia

Escreva seu comentário sobre "Como se usa o óleo de alecrim para a memória"

Comente no Google+