Técnicas para tomar decisões

Você tem dificuldade em tomar decisões?

A tomada de decisões é um obstáculo para você? Pode ser que para algumas pessoas não seja um problema, mas para muitas outras é causa de estresse e insegurança, chegando a ter um grande impacto pessoal e profissional. Esse é o seu caso?

Cada vez que você tem que tomar uma decisão especialmente importante você não sabe o que fazer. Você dá voltas e mais voltas nas diversas possibilidades, com medo de cometer um erro e pensando no pior que poderia passar. Então você se encontra estancada, frustrada, sem energia e com vontade de se decidir de uma vez, não é? No entanto, continua aí, sem ser capaz de tomar uma decisão…

Por que é tão difícil para você tomar decisões? Estas são algumas das possíveis causas:

  1. Você acha que sua decisão vai ser permanente, para sempre.
  2. Quer tomar a melhor decisão, a que te garanta um resultado perfeito (e isso implica a capacidade de ler o futuro).
  3. Tem medo de errar.
  4. O que as outras pessoas pensam e esperam de você exerce influência.

Você percebe? Não me admira que você tenha dificuldade em tomar decisões, já que tem muitas expectativas e pressões, e também precisa previr o futuro!

Aqui eu te deixo umas recomendações para te ajudar a tomar decisões:

  • Seja sincera com você mesma, você já sabe o que fazer. Sim, já sabe. Outra coisa é que queira fazê-lo.
  • O número de razões que tem para fazer algo é inversamente proporcional à vontade que tem de fazê-lo. Em suma, quando você quer fazer algo, nã precisa de motivos; se começa a buscá-los é porque não está muito convencida.
  • Mudar de opinião é possível! (na maioria dos casos). Isto é algo que quer que você tenha sempre em mente, porque a ideia de que nossas decisões são irrevogáveis gera, e com razão, muita ansiedade. As decisões não têm que ser pela vida toda (como eu disse antes, na maior parte dos casos), e não pega nada se você mudar de opinião mais tarde.
  • O que realmente importa não é a decisão em si, mas sim as consequências, a repercussão. Isso significa que qualquer decisão pode ser para bem se você sabe como lidiar com as consequências. Não é uma má decisão cometer um erro ao escolher, mas é ruim não fazer nada a respeito (além de se queixar).
  • Não fique obcecado em tomar a melhor decisão possível, tenha a meta de escolher a opção que leve a um maior desenvolvimento pessoal ou profissional. Se, no final de um tempo, já não te satisfaz a opção escolhida, não pense que cometeu um erro mas sim que precisa continuar crescendo, que essa escolha já não aporta nada ao seu desenvolvimento.

Então, qual é a maneira mais simples de tomar uma decisão?

Comece escutando a si mesma e se pergunte o que é que realmente quer fazer. Quando as opções a considerar são parecidas, eu uso um método que no começo achava absurdo mas que utilizei muito:

Pegue uma moeda (não estou brincando, continue lendo), prometa a si mesma que vai fazer o que a moeda diga. Lance a moeda e veja o resultado.

O qué você sentiu ao lançar a moeda? Que resultado queria que saísse? E quando a moeda caiu? Como você se sentiu? Aliviada, decepcionada, esperançada? Tudo isso te diz o que você quer saber. E te garanto que funciona, quase sem querer você se encontrará pensado “que saia cara” ou “nãooo, eu preferia a outra” e assim perceberá o que realmente quer. De verdade, experimente, você não está deixando seu futuro nas mãos de uma moeda mas sim escutando o que verdadeiramente sente.

Estas recomendações vão te ajudar a tomar sempre as melhores decisões?
Não, nem é esse o seu propósito também. Lembre-se que não pega nada se você cometer erros, que você vai aprender, que vai melhorar…

Você tem muita dificuldade em tomar decisões?

Às vezes, no mundo dos negócios e dos empreendimentos, o fato de tomar decisões corretamente é fundamental. Mas também o medo tem um papel muito importante, de forma negativa. Através deste simples teste poderá determinar o que está te bloqueando de cara para um futuro melhor.

Você tem medo de que a decisão que for tomar não vá ter volta?

Você dá muita atenção do que vão te dizer com base na decisão que tomar?

Sente muita pressão?

Tem medo de estar se enganando com a decisão que toma?

Tem medo de que a decisão que for tomar não seja perfeita?


1 comentário no "Técnicas para tomar decisões"

Você pode comentar no Facebook e no Google +, ou se preferir fazê-lo de forma anônima no nosso sistema de comentários

Comente no Facebook
Comente na Innatia
¡Carregando comentários!

Sbelle ...

Por mais que a autora Aida Baida Gil tenha belas palavras e conselhos na teoria simples de seguir,acredito que deveria olhar e corrigir "e também precisa previr o futuro!".Pois poderia passar a impressão de que se não sabe escrever ,como pode me dar conselhos?

0

15 de Abr, 2015 - 12:51:00

Escreva seu comentário sobre "Técnicas para tomar decisões"

Comente no Google+