Postura da cegonha

Uttanasana

A posição da cegonha é uma das posturas de Ioga que permite a flexão das costas para frente, incrementando o fluxo da circulação cerebral e estimulando tanto o sistema nervoso como a região abdominal.

A posição da cegonha é a postura básica da prática da Ioga, que se caracteriza por dar flexibilidade e alongamento à coluna vertebral, aos músculos das costas e aos tendões posteriores das pernas.

Tem como efeito um incremento do fluxo sanguíneo cerebral e estimula não só o sistema nervoso, mas também a região abdominal, razão pela qual se recomenda a quem sofre de prisão de ventre.

Por outro lado, fortalece as pernas e ajuda nos problemas da cintura, lombalgia e escoliose.

Realização da posição da Cegonha:

  • Fique parado bem reto, com a perna esquerda dobrada e a batata da perna apoiada sobre a coxa, apenas sobre o joelho direito.
  • Utilize as duas mãos para colocar o pé esquerdo sobre a coxa direita, o mais alto que puder. Segure-o com a mão direita. Mantenha o joelho na linha da perna direita, ou seja, que não sobressaia por diante dela. Mantenha o equilíbrio sobre o pé direito, todo o tempo que puder. Repita o exercício sobre o pé esquerdo, levantando o pé direito.
  • Quando conseguir manter o equilíbrio nesta posição, se apoie sobre o pé direito, coloque o esquerdo o mais alto que puder sobre a coxa direita e enquanto o segura com a mão direita, estique o braço esquerdo para cima.
  • Dobre para frente, até que os dedos da mão esquerda toquem o chão.
  • Incline a cabeça e toque com ela o joelho. O calcanhar esquerdo deve oprimir o abdômen. Permaneça nesta posição o tempo que puder. Volte para a posição de partida, desmontando lentamente a postura e repita com a outra perna.

Eu te recomendo ver este vídeo no qual poderá seguir, passo a passo, a realização da posição da cegonha.


Nenhum comentário

Você pode comentar no Facebook e no Google +, ou se preferir fazê-lo de forma anônima no nosso sistema de comentários

Comente no Facebook
Comente na Innatia

Escreva seu comentário sobre "Postura da cegonha"

Comente no Google+