Remédios caseiros para a balanite por cândida

Tratamento natural para a balanite por cândida

A balanite é uma inflamação da glande, comum em crianças e adultos e que pode ocorrer por vários motivos, que irritam essa área do pênis. Muitas vezes, pode ser causada ou evoluir para uma cândida. A higiene adequada e manter a área seca é essencial para o tratamento e recuperação.

O que é a balanite?

A balanite é uma doença dermatológica que se caracteriza pela inflamação da glande, produzida por irritação. Você deve saber que com frequência, pode se complicar com a candidíase.

Quanto a quais são as causas da balanite, vou te dizer que determinados componentes químicos, presentes em produtos de higiene ou nos preservativos, podem ocasionar a irritação desta região do pênis, provocando como consequência uma balanite. No entanto, em outros casos, pode ser causada também por uma higiene inadequada.

Se você se pergunta quem pode ter balanite, leve em conta que a balanite pode afetar tanto a crianças como adultos, no entanto é mais frequente em pessoas com diabetes ou outras doenças sistêmicas descompensadas.

Como curar a balanite em casa?

Em qualquer caso, vai querer saber como curar a balanite em casa. Pois bem, a princípio você deve levar em conta que a higiene é fundamental para o tratamento e recuperação. Não obstante, se recomenda usar para ela apenas sabões neutros, sem aditivos que possam irritar e danificar a pele da área, o que complicaria o quadro.

Além disso, os banhos com infusões de camomila podem melhorar notavelmente os quadros leves, que remitirão em pouco tempo, como outras candidíases.

Embora habitualmente as balanites sejam leves e respondam ao tratamento que elimina as causas da irritação, mantendo a área seca e higienizada, às vezes, pode ser necessário consultar o médico, se a evolução não for favorável, para que indique a terapia adequada, que só em casos extremos chega a ser cirúrgica.

Balanite por cândida: outros tratamentos caseiros

Em qualquer caso, a balanite candidiásica, como outras infecções produzidas por fungos, pode responder a determinados remédios caseiros. A seguir você encontrará alguns dos que você pode incorporar facilmente à sua vida diária para resolver seu problema de balanite.

  • Consuma iogurte, kéfir e outros alimentos ricos em lactobacilos. De fato, os alimentos ricos em lactobacilos aumentam suas defensas, impedindo o desenvolvimento de infecções oportunistas como a candidíase, que pode complicar uma balanite já presente.
  • Consuma mais alho. O alho, por sua vez, possui excelentes propriedades para aumentar sua imunidade, te protegendo de vírus, bactérias e outros agentes patogênicos. Descubra como usá-lo e não deixe de levá-lo em conta quando precisar.
  • Faça banhos com vinagre de maçã. Por último, você pode recorrer às propriedades do vinagre de maçã e aproveitar seus benefícios fungicidas e antimicóticos, através de banhos de assento ou como você preferir.
IMPORTANTE: A missão do "Remédios caseiros para a balanite por cândida" é te ajudar a estar informado. NUNCA substitua a consulta médica.

10 comentários no "Remédios caseiros para a balanite por cândida"

Você pode comentar no Facebook e no Google +, ou se preferir fazê-lo de forma anônima no nosso sistema de comentários

Comente no Facebook
Comente na Innatia
¡Carregando comentários!

Braga ...

Quero ajudar! Tive mais exatamente postite do que balanite.

Começou com cândida, coçando um pouco e descamando, depois apareceram rachaduras no prepúcio, abaixo da glande e perto do freio. No meu caso não inflamou nem fez pus na glande, nem bolsas de pus no prepúcio ou mucosas. Usei Fluconazol, não resolveu nada. As rachaduras cresceram e formaram feridas e soltavam um pouquinho de líquido viscoso. Doia MUITO na hora de mijar, de lavar no banho ou em contato com qualquer coisa.

Tentei fazer o tal do banho de vinagre que vi por aí. No meu caso não funcionou, piorou. Os dias que eu fiz ardeu pra burro e ainda inchou. Ficou com uma aparência horrível!

O Urologista, passou fluconazol dose única, a pomada Trok-n e nimesulida. A Nimesulida desinchou, mas o resto dos remédios não fez efeito. A pomada era incomoda de andar na cueca e o que eu achei estranho é que depois de um tempo a pomada fazia o líquido das feridas ficar mais grosso e duro, liguento, tipo catarro esverdeado e com um pouco de cheiro de pus. As feridas não faziam casquinha de jeito nenhum pra cicatrizar e como ficava úmido pelo líquido, a doença não curava.

O Urologista sugeriu insistentemente também postectomia, ou seja, circuncisão, dizendo que ia ficar inflamando várias vezes. Se quiser consultar um médico NÃO VÁ A UM UROLOGISTA, MAS SIM A UM DERMATOLOGISTA. Esses filhos da puta só pensam em resolver na porra da cirurgia, já que assim é mais dinheiro pro bolso deles e podem dizer que já fizeram "1000 cirurgias com sucesso". A cirurgia te deixa mais tempo ainda sem transar por causa da cicatrização além de ter riscos depois. Eu peguei a doença conscientemente por transar sem camisinha com minha namorada que estava resfriada, com baixa imunidade, perto daqueles dias, com candidíase e não porque não lavo o meu pau por dias, não tenho diabetes nem nada, então por que essa merda ia ficar inflamando??? Até exame pra herpes ele mandou fazer, que obviamente deu negativo.

Enfim, DESCOBRI UM REMÉDIO através de um amigo! Uma planta comum no norte e nordeste chamada CRAJIRU que ajuda a cicatrizar e desinflamar de ferimentos. Funciona assim: Faz um chá forte pra caralho com as folhas de crajiru. A folha é verde mas quando ferve fica bem vermelho. Se tiver a folha seca melhor ainda, que o chá sai bem mais potente e escuro. Deixa ferver bem e lava a panela depois que ela mancha tudo de vermelho. Bota num copo que caiba seu pau até o fundo, pq depois o chá começa a sentar mais no fundo, deixa seu pau lá descansando com as feridas expostas por 1 hora. Faz 1 vez antes de dormir ou então 30 minutos duas vezes ao dia. Eu fazia só antes de dormir. Na primeira vez que fiz, já fez uma casquinha em uma ferida que não fechava. Deixei secar no ventilador pra não tirar o remédio. E assim foi, as feridas foram secando, diminuindo de tamanho, fazendo casquinha e a casquinha não deixava ficar saindo o líquido, deixando tudo sequinho e matando a doença. Em na 1ª semana já tava tudo cheio de casquinha, na 2º já tava sarando, no começo da 3º já tava pronto pra ser usado. A casquinha também deixava lavar e mijar sem doer.

Mas enquanto estiver doente, NÃO TRANSE. As feridas vão abrir de novo e podem piorar. Nem punheta, nem dizendo que vai ter cuidado nem nada. Essa parte é a mais difícil, eu passei quase 2 meses sem fuder. Tinha dias que acordava com polução noturna. Não podia ir chegando muito na minha namorada que até um abraço fazia meu pau subir, o que podia rasgar a casquinha. Esse tempo já tava começando a afetar severamente meu humor, minha concentração, minha vida. Foi dureza e afetou um pouco nosso relacionamento. Da primeira vez que eu pude usar o amigão na estréia eu tava tão na seca que não aguentei 10 minutos. Mas agora é só alegria, tirando as cicatrizes que são de cor diferente, visíveis mas que eu sei que some com um tempo.

Enfim, sejam felizes!

1

31 de Ago, 2013 - 17:04:37

flavio ferreirfa da silva ...

estou um pousa assutado não tive relação com pessoas estranhas meu penis sempre estou lavando tirando sujeira apos so urinar logo encontro coçando vou ver ja criou sujeira o que pode ser e quando retiro a sujeira como um gordura fica ardendo

0

14 de Jul, 2013 - 13:13:38

Israel ...

Olá pessoal, eu tenho uma possível solução para quem está sofrendo com esse terrível problema no pênis, digo "possível" pelo seguinte motivo que vou tentar explicar de forma resumida. A uns meses atrás sofri com esse problema e estive assim uns 3 meses, foi horrível, é muito doloroso, além de que a auto estima da gente vai lá embaixo. Passei por dois urologistas me deram tratamentos que muitos de vocês já fizeram ou estão fazendo, porém sem sucesso, melhorava um pouco más depois piorava novamente, não me curava e isso me desesperava cada vez mais. Me recomendaram a cirurgia, foi então que procurei um dermatologista e realmente pessoal, dermatologista entende muito mais de pele do que um urologista, ele me deu um tratamento que realmente resolveu o meu problema, eu me curei, posso dizer que voltei a viver novamente de tanto que eu havia sofrido com esse maldito problema, porém a recuperação é muito lenta e os tratamentos normalmente são por períodos longos. Más eu não venho dizer desse tratamento que o dermatologista me receitou, venho dizer de um remédio natural, é um pózinho de uma árvore que eu chamo de "pó milagroso", é como se fosse um talco, só que essa árvore não existe aqui no Brasil, pelo menos até agora eu não encontrei, é de um país vizinho nosso e não sei o nome dela. A vários anos atrás eu tive uma doença nos pés causada por fungos que eu não conseguia quase nem andar e não houve remédio aqui no Brasil que me curasse, onde meu pai se lembrou do pó dessa árvore, onde não pensamos duas vezes em fazer as malas e viajar pra lá. Chegando lá, meu pai pegou então um pouco do pó dessa árvore e passei nos meus pés e coloquei meias, para minha surpresa, no dia seguinte, ao tirar as meias, não havia quase nada nos meus pés, eu estava praticamente curado, por isso eu chamo de "pó milagroso". Bom voltando ao problema no pênis, a uns dias atrás comecei a sentir aquela coceira no pênis novamente e começou a ficar vermelho, passei então a pomada que eu ainda tinha do último tratamento que me deram, mas os sintomas estavam se agravando. Foi aí então que coloquei o tal "pó milagroso" no meu pênis, pois o mês passado estive de férias nesse país e trouxe um pouco desse pó. Pessoal, não é brincadeira, em questão de horas, os sintomas desapareceram quase completamente e no dia seguinte já não tinha praticamente nada. Então eu recomendo você que está sofrendo com isso, me procure, gostaria de comprovar que esse pó cura até mesmo em casos mais graves, e o que é mais importante, em tão pouco tempo. Vou deixar meu número de contato para quem quiser, não vou cobrar por isso, eu sei o quanto se sofre, vale a pena experimentar (15-988274645). Espero ser de ajuda pra vocês galera. Um abraço!

0

23 de Jul, 2016 - 19:49:52

ernesto rodrigues ...

por favor me diga como posso ter esse pó
eu te pago eu te agradeço

0

24 de Ago - 21:19:33

paciente curado ...

Use quadriderme, meu penis as vezes ficava com vermelhidão, ardência e as vezes trincava a pele logo abaixo da grande. Usei vacarias pomadas até de fungos e tal e nada de melhorar. Quadriderme no primeiro dia melhorou e a pele até fica mais rígida e não frágil. Precisa de receita médica. Recomendo ! Chega de sofrimento.

0

28 de Mai, 2015 - 03:40:47

Paulo ...

Usei o chá de crajiru misturado com casca de cajueiro. Deu certo. Agora tô na espectativa das cicatrizes melhorarem de aparência
Mas, de qualquer forma, a cicatriz nem se compara com meses de sofrimento. Fiz igual o Braga disse, só que misturei o crajiru com a caca do cajueiro. Eu recomendo

0

10 de Ago, 2015 - 23:16:09

Gandalf ...

amigos, onde posso encontrar Crajiru? estou em são paulo, capital. valeu!

0

26 de Ago, 2015 - 00:19:37

Bruno ...

Eu to com esse problema ainda faz 2 Anos..Meu penis Coça muito tem umas rachaduras. Eu tranzava mesmo mesmo sentindo dor, Mas vi que era serio

Eu vou no medico e ver qual o tratamento que irei fazer. Meu penis ta coçando muito agora e ta vermelho quando eu esfolo as rachaduras Doem de forma aguda parece que tem 100 agulhas nelas

0

30 de Ago - 03:54:06

Carlos ...

Sofri muito com balanite. Não foi por transar com pessoa contaminada por algum tipo de fungo nem por falta de higiene. O meu problema é o diabetes, já que a urina contém açúcar e qualquer gotinha que fique depois de urinar, funciona como adubo para os fungos. No início a pomada quadriderm conseguia controlar a doença mas depois de algum tempo apareciam manchas avermelhadas na glande que progrediam rapidamente para feridas. Chegava a manchar a cueca com sangue das feridas que doíam muito. até com o contato da água ao lavar. Se não estava sangrando formava um muco viscoso debaixo do prepúcio, que chegava a grudar o prepúcio na glande. Usei quase todos os remédios possíveis: Quadriderm, Candicort, Clotrimazol, Dermacerium, Talco Granado, Fluconazol, Secnidazol, etc. Nada resolvia o problema, que dava sinais de melhora e logo voltava mais agressivo. Então resolvi fazer um teste, por conta própria, com aplicação local de extrato de própolis, já que sempre usei própolis para problemas de pele com resultados satisfatórios. Nas primeiras vezes que usei própolis, parecia que o pênis estava pegando fogo, uma vez que uso o extrato alcoólico de própolis. A vantagem é que essa sensação de fogo passa rapidamente, não inviabilizando o processo. Passei a usar própolis, pingando na glande e espalhando com o dedo até cobrir toda ela e o início do corpo do pênis, onde é coberto pelo prepúcio. Toda vez que urinava secava bem a glande e passava própolis. Quando tomava banho, secava bem o pênis e fazia aplicação de própolis. Depois de algumas aplicações já não sentia queimação quando fazia o procedimento e não notei nenhuma perda de sensibilidade na glande. Agora só aplico própolis depois do banho, como manutenção, porque já fazem 4 meses que não tenho nenhum sinal da postite. Na realidade, não paro de vez com a aplicação de própolis porque a lembrança do sofrimento com a postite me deixa apavorado com a ideia do retorno dela. Lembro a todos que essa terapia foi apenas uma experiência pessoal, sem nenhum acompanhamento médico e não sei se pode ter algum efeito colateral a médio ou longo prazo. Só sei que comigo funcionou e vou continuar usando. Se alguém quiser testar também, sugiro que se aconselhem antes com um médico.

0

28 de Set - 18:57:13

Escreva seu comentário sobre "Remédios caseiros para a balanite por cândida"

Comente no Google+