Como acalmar a taquicardia: causas, sintomas e tratamento caseiro

Por que ocorre a taquicardia e como controlá-la

Você tem taquicardia? Neste artigo, vou te dizer como acalmar a taquicardia. Além disso, você encontrará informação sobre o porquê da taquicardia, quais são seus sintomas e suas causas, assim como irá saber como controlá-la com um tratamento caseiro. Vem comigo!

O que é a taquicardia

Com certeza, você se deve se perguntar como saber se tenho taquicardia. Pois bem, para responder esta pergunta, em primeiro lugar você deve saber o que é a taquicardia.

Você tem taquicardia quando seu coração bate num ritmo acelerado ou irregular, de mais de 100 batidas por minuto. O ritmo cardíaco pode aumentar até 400 pulsações por minuto. No entanto, nesse ritmo o coração não pode bombear bem o sangue. De qualquer modo, a taquicardia pode ser de diferentes tipos:

Ventricular polimorfa

Você tem taquicardia ventricular quando ela se origina nas cavidades inferiores do coração, ou seja, nos ventrículos. Nesse caso, se diz que se trata de uma taquicardia ventricular polimorfa a um tipo específico de taquicardia em que no registro eletrocardiográfico se observa um intervalo QT longo, determinado em geral por doenças congênitas.

Sinusal

Por outro lado, a taquicardia sinusal é a que se origina no nó sinusal, que é o marca-passo natural do seu coração. Caracteriza-se por começar e terminar gradualmente.

Supraventricular paroxística

Em contraposição, a taquicardia supraventricular, embora possa aparecer de forma gradual, se caracteriza por desaparecer de forma brusca. Esta taquicardia se origina geralmente no nodo auriculoventricular ou na aurícula, ou seja, nas cavidades superiores do seu coração. Você tem uma taquicardia supraventricular paroxística quando só te ocorre de vez em quando.

Causas da taquicardia

Em qualquer caso, você deve se perguntar quais são as causas da taquicardia. Pois bem, existem diferentes causas pelas quais pode haver taquicardia em diversos momentos da vida.

Na gravidez

Se você está grávida e tem taquicardia, não se assuste! A taquicardia é um sintoma normal na gravidez, devido a que seu coração tem que bombear mais sangue para alimentar o bebê em formação. Por outro lado, o coração e os pulmões têm cada vez menos espaço. Não obstante, no caso de que sejam muito fortes ou muito frequentes, consulte seu médico.

Fetal

Por outro lado, a taquicardia fetal pode ser um indício de malformações cardíacas congênitas. Daí que é muito importante estar atent@s. No entanto, se considera taquicardia quando as batidas do feto superam as 170 a 180 batidas por minuto e se prolonga no tempo, não assim quando é transitória, já que o bebê em formação pode suportar até 240 batidas por minuto.

Em crianças

O coração infantil normalmente bate numa frequência maior que a dos adultos. De fato, o coração dos lactantes bate num ritmo entre 120 e 160 pulsações por minuto, enquanto o das crianças em idade pré-escolar o faz num ritmo de 100 a 120 batidas. Em casos excepcionais a taquicardia nas crianças é grave e pode ter a ver com alguma doença.

Por que ocorre a taquicardia

Não obstante, talvez você queira saber por que te dá taquicardia diante de determinadas circunstâncias, tais como:

Ao acordar

Se você tem taquicardia ao acordar, deve fazer uma mudança, já que nestes casos, em geral se trata de taquicardias por ansiedade.

Depois de comer

Por outro lado, a taquicardia depois de comer pode ser causada por uma resposta fisiológica do coração, que necessita bombear mais sangue ao estômago para completar o processo digestivo. Entretanto, normalmente não chega a ser notável nem incômoda, a menos que você tenha muito sobrepeso.

De repente

Se te dá taquicardia de repente, talvez você esteja nervos@ ou preocupad@ por algo, sem estar tão consciente disso. De qualquer forma, não é demais consultar seu médico para descartar a existência de algum problema de saúde.

De noite

De noite a tensão arterial geralmente baixa. Por essa razão, talvez seu coração deva bater mais rápido para poder bombear todo o sangue que seus órgãos necessitam durante o sonho. Nesse caso, a taquicardia de noite seria um mecanismo fisiológico compensador. No entanto, em alguns casos pode ser causada por estresse ou outros fatores, razão pela qual se te resulta incômoda demais, você não deve desestimá-la.

Em repouso

O habitual é que em repouso o coração bata num ritmo mais lento. Às vezes, algumas pessoas se queixam de ter taquicardia em repouso. Se esse é o seu caso, não se alarme mas também não deixe pra lá, consulte o cardiologista para ficar tranquil@ de que não existe nenhuma patologia que possa estar causando-a.

Sintomas de taquicardia

Qualquer que seja a causa da sua taquicardia, com frequência é acompanhada de outros sintomas tais como:

  • Enjoos.
  • Dificuldade para respirar.
  • Dor no peito.
  • Desmaios.

No entanto, em muitos casos, não existe mais sintoma que o pulso rápido e as palpitações no peito.

Consequências da taquicardia

De qualquer forma, as taquicardias por si só não têm consequências que você deva temer. Quando são causadas tanto por estresse como por comidas e bebidas estimulantes, desaparecem assim que passa o efeito do tóxico. No entanto, se não existem tais fatores desencadeantes, são um sinal de alerta que pode anunciar a presença de diferentes doenças como o hipertireoidismo ou diversos transtornos de origem respiratória ou cardíaca.

Tratamento para a taquicardia

Pois bem, se você tem taquicardia te interessará saber como controlar a taquicardia com remédios caseiros e outras alternativas de tratamento natural. A seguir, você encontrará o que fazer se tem taquicardia. Descubra como baixar a taquicardia rápido, pondo em prática estas sugestões.

  • Com remédios caseiros. Juan Esteban Jorge compartilha os melhores remédios caseiros e conselhos para diminuir sua taquicardia em poucos minutos. Não deixe de levá-los em conta.
  • Com biodecodificação. Por sua vez, Laura Casas te informa sobre uma alternativa de tratamento excelente para os casos de taquicardia emocional por angústia ou ansiedade. A biodecodificação indaga nas causas profundas do seu problema para te ajudar a encontrar uma solução para sua taquicardia.
  • Com infusões cardioprotetoras. Se seguir o link anterior, encontrará as recomendações de Monserrat Sosa para preparar e consumir infusões de espinheiro-branco, uma das tantas plantas que resultam excelentes para regular as batidas cardíacas. O que você espera para experimentá-la?

Nenhum comentário

Você pode comentar no Facebook e no Google +, ou se preferir fazê-lo de forma anônima no nosso sistema de comentários

Comente no Facebook
Comente na Innatia

Escreva seu comentário sobre "Como acalmar a taquicardia: causas, sintomas e tratamento caseiro"

Comente no Google+