O que é a erva-mate e como se bebe?

Como preparar o mate e qual é a sua importância cultural

Falar da erva-mate na Argentina, Uruguai e Paraguai é muito mais do que falar de uma simples ferida. É fazer referência a um dos mais tradicionais costumes desses povos. Descubra como se prepara esta infusão, como se bebe e qual é a sua importância cultural.

O que é a erva-mate?

Nos países de onde é originária a erva-mate, esta infusão é café da manhã e lanche. Substitui o chá e o café e, além disso, muitas vezes é uma desculpa para compartilhar um bom momento com amigos ou familiares.

Falando da planta em si, é um arbusto que cresce quase de forma silvestre na bacia do rio Paraná, na América do Sul. Sua cor é o verde e já desde o século XIX se comercializa industrialmente. Não obstante, para rastrear suas origens como bebida, seria preciso remontar muito tempo atrás, já que os índios guaranis (habitantes da região) foram os primeiros em consumi-la.

Se você não provou a erva-mate, não hesite em fazê-lo. Pode ser que com ela você descubra um novo mundo de possibilidades, que vão de um uso social diferente ao de outras bebidas, até as propriedades para a saúde que você pode aproveitar ao consumi-la.

As propriedades da erva-mate

As virtudes e os benefícios do mate são lendários na América Latina, mas atualmente seu consumo está se estendendo progressivamente para Estados Unidos e Europa. Seu diferenciado sabor amargo o popularizou, assim como os nutrientes que aporta, que previnem vários tipos de doenças. Estas são suas principais propriedades.

  • É energizante, devido a que possui mateína, uma substância similar à cafeína mas sem seus efeitos negativos
  • É diurético e saciante, por isso é um bom aliado para perder peso
  • É digestivo
  • Previne o câncer
  • Previne a arteriosclerose
  • É antioxidante

Se quiser conhecer mais propriedades do mate, leia aqui: Propriedades e benefícios da erva-mate, um energizante natural

Como se prepara o mate?

A ação de beber a infusão de erva-mate é conhecida popularmente como "tomar mate" e a ação prévia de preparar esta infusão é conhecida como "preparar o mate". Os acessórios que você precisa para esta tarefa são:

  • 1 mate (um recipiente pequeno ou uma xícara podem servir)
  • 1 bombilha
  • 1 chaleira para esquentar água
  • 1 garrafa térmica (opcional)

Leia mais sobre os acessórios do mate aqui: Acessórios para tomar erva-mate: o recipiente, a bombilha e a chaleira

Há muitas formas de preparar o mate, mas para simplificar a tarefa, estes são os passos básicos que você deve seguir.

  1. Ponha para esquentar água no fogo e apague antes de que ferva (80 ou 90 °C é a temperatura ideal).
  2. Enquanto isso, tome o mate (é o nome que popularmente se dá à vasilha ou recipiente) e encha-o com erva-mate até a metade.
  3. Faça um espaço ou furo com o dedo, muito perto da parede do mate, para poder introduzir a bombilha.
  4. Introduza a bombilha até que chegue quase no fundo do mate, sem removê-la demais para que o coador que tem no extremo não se tampe com erva.
  5. Verta lentamente um pouco de água apontando sobre o furo em que você introduziu a bombilha, até que o mate fique cheio ou quase cheio. Você notará que a erva se levanta junto com a água, que se distribui por todo o interior do mate.

O mate tradicional se bebe unicamente com erva, sem adoçantes nem outras ervas. Porém, de acordo com a região na qual for bebido, é muito comum que sejam adicionadas ervas aromáticas digestivas (chamados popularmente "yuyos"), como a menta ou a arruda, inclusive cascas de frutas para saborizar (laranja, maçã, toranja, entre outras).

O mate também pode ser tomado com açúcar e outros tipos de adoçantes, mas o tradicional é o amargo.

mate cebado

Como se toma o mate cevado?

  • Assim que você tiver preparado o mate, pode tomá-lo de forma solitária ou em grupo. Apenas leve em conta estas dicas.
  • Para evitar que a água esfrie rapidamente entre mate e mate, você pode usar uma garrafa térmica.
  • Se você tomar o mate em grupo, no primeiro mate você mesmo deve tomar ou "cevar" (como se diz popularmente). Desta forma evita que os convidados degustem a típica amargura do primeiro mate, que também costuma ser um pouco frio porque a erva ainda não chegou a esquentar completamente.
  • Ao cevar mate em grupo você deve seguir uma ordem que, geralmente, é contrária à direção das agulhas do relógio. Ou seja, o primeiro convidado deve ser quem estiver localizado à sua direita, depois o que segue na direita dele e por aí vai.
  • Você pode cevar quantas rodadas de mate quiser, o mate se toma até que simplesmente não se deseja mais.
  • O costume indica que se diz "obrigado" apenas quando já não se quer tomar mais mate, não depois de cada mate que se recebe.
  • Quando notar que o mate vai perdendo sabor, simplesmente mude a erva para continuar com a cevada.
  • Se em um mesmo grupo há pessoas que só tomam mate amargo e há outras que o querem doce, você vai ter que preparar dois mates diferentes: os amantes do mate amargo garantem que os resíduos do açúcar se sentem e dão outra acidez à bebida.

Importância da erva-mate na América do Sul

A erva-mate é uma planta originária da zona sul-americana conhecida como área guaranítica, suas folhas são utilizadas como infusão desde tempos ancestrais na Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Paraguai e Uruguai, países em cujas tradi¡ções gastronômicas tem um papel protagônico.

Para os índios guaranis se chamaba “caá-guaçu” (erva grandiosa), devido a que a infusão elaborada com suas folhas secas e moídas era utilizada como estimulante e remédio quase para tudo, revelando-se muito útil em uma infinidade de tratamentos, incluídos os emocionais.

Seu papel pulou fronteiras com a chegada dos jesuítas à região, vindos da Espanha com os colonizadores para evangelizar os indígenas. Assim, uma árvore que podia medir até 15 metros e que crescia salvagem, começou a ser cultivada para produzir infusões medicinais.

Seu cultivo só é possível nas latitudes das que é originária, já que precisa de um clima tropical ou subtropical, assim como um nível realmente elevado de umidade ambiental e abundantes precipitações ao longo do ano todo, especialmente na hora da floração.

Seu cultivo resultou logo, já que foi descoberto pelos espanhóis, altamente rentável, devido a uma rápida difusão das propriedades da infusão. O realmente paradoxal é que seu consumo, rodeado sempre de um ritual ou convenção social como ocorre com o café ou o chá, ganhava um ou outro toque e significado dependendo da realidade sócio-cultural que imperava no país em que esse consumo se realizasse. Nos encontramos, sem sombra de dúvidas, diante de outra bebida social.

Como você gosta de tomar o mate cevado?

Gráfico da enquete: Como você gosta de tomar o mate cevado?

Em grupo

7/2

Sozinho

10/0

Doce

5/5

Amargo

6/1

Com ervas e outros aditivos

9/2

Só com erva mate

3/2





Nenhum comentário

Você pode comentar no Facebook e no Google +, ou se preferir fazê-lo de forma anônima no nosso sistema de comentários

Comente no Facebook
Comente na Innatia

Escreva seu comentário sobre "O que é a erva-mate e como se bebe?"

Comente no Google+