As sete leis espirituais do sucesso

O conhecimento das sete leis traz uma grande transformação

O universo funciona sem esforço, sem atrito, sem pressão, naturalmente e produz tudo o que está a nossa volta e tudo o que está fora dela...

No nosso Presente não conseguimos tudo o que desejamos de forma imediata porque cotidianamente estamos desalinhados com as Leis do universo. Não as estudamos, não as entendemos ou não as experimentamos conscientemente porque estamos desconectados do universo. O universo funciona sem esforço, sem atrito, sem pressão, naturalmente e produz tudo o que está à nossa vista e tudo o que está fora dela. É uma organização absolutamente perfeita e consegue tudo o que deseja. Nós somos parte dele e quando nos dirigimos contra o que conseguimos é uma doença, um infarto, estresse, insatisfação, medos, angústias, desilusão, dor, frustração, etc., porque é como querer chegar na beira nadando contra o mar. Lembremos que o sucesso é a capacidade de cumprir nossos desejos espontaneamente e sem esforço, é ter o que se deseja imediatamente de desejá-lo, sem esforço, porque toda experiência é um sucesso, independentemente do seu resultado.

Vamos lembrar que o ego é a personalidade, é a máscara social. Razão pela qual não tentamos perder a personalidade, mas sim conhecê-la, para usá-la como um instrumento de superação espiritual. Quando a gente começa a saber quem é, o que quer, de onde vem e para onde vai, é aí que vem uma grande lucidez e uma grande clareza quanto ao comportamento, quanto à máscara social, ou seja, quanto ao seu ego. No Presente não trabalhamos para dissolver o ego, trabalhamos para que seja um aliado, um instrumento do espírito para o desenvolvimento do Dharma ou missão na Vida.

O homem associou o sucesso com o dinheiro, bens materiais, poder, fama, negócios, luxos e banalidades porque esquecemos quem somos na essência, mas também porque nos indicaram pseudopadrões de conduta como: compre um luxoso apartamento, obtenha um bom trabalho, obtenha um título universitário, consiga um bom esposo ou uma boa esposa, tenha seus filhos, compre vários automóveis, depois umas lanchas, uma casa de praia, uma casa de campo , um carro esportivo, muitas joias e será feliz. Essa é a crença com a qual crescimos. Ninguém nos disse: antes seja e sinta-se feliz, depois decida o que quer fazer da sua vida. Através da Atenção Consciente temos que virar o conceito: antes é preciso buscar a felicidade que sentimos no desenvolvimento do nosso Dharma ou propósito de vida, logo ver o que ela nos traz. Porque certamente para nós não servirá um carro esportivo, uma casa de praia ou joias para ser feliz porque temos outras necessidades. E mesmo que fossem essas as nossas necessidades, assim que tivermos todos os carros, todos os namorados, todos os apartamentos, as melhores joias e tudo o que quisermos, sempre vamos estar vazios, porque não se está apoiado na essência da vida.

O que transmitem estas Leis é buscar uma aproximação espiritual ao sucesso e à abundância. É preciso entrar pelo espírito em tudo, porque já se tentou de outras maneiras e o resultado tem sido desfavorável. Não importa qual seja o sistema, não funciona, não nos gera a felicidade. A Lei natural é o processo pelo qual o oculto se revela. Tudo o que vemos vem do desconhecido, tudo o que percebemos vem de algo que não sabemos que existe até que o fazemos consciente, razão pela qual a Lei é o processo pelo qual a Divindade, o campo quântico, o não manifesto, o espiritual, o transcendente, ou como se quiser chamar, se põe em movimento e se patentiza no nosso Presente originando-nos o Sucesso e A Prosperidade.

As sete Leis Espirituais do Sucesso prescritas pelo Doutor Deepak Chopra são: A Lei de Potencialidade Pura, A Lei de Dar, A Lei do Karma, A Lei do Menor Esforço, A Lei da Intenção e do Desejo, A Lei do Desapego e A Lei do Dharma.

O sucesso não é negado a ninguém, todos somos suscetíveis de alcançar nossos objetivos e ter sucesso nas nossas vidas. Todos viemos à vida para cumprir um propósito e apenas nós podemos descobrir qual é. Como expressar esse propósito e como usá-lo para ajudar os outros é parte da nossa aprendizagem. Se ativarmos a Atenção Consciente (Mindfullness: Mente Iluminada) no nosso presente e nos perguntarmos: como posso ajudar com meu trabalho diário a Humanidade, Amigos, Familiares ou Vizinhos? Em vez de: o que eu ganho, quanto ganho com isso? Esta única mudança de diálogo interno traz uma grande evolução espiritual, faz que nosso espírito se faça presente e apoie nossas ações.

O conhecimento destas Sete Leis traz uma grande transformação porque damos Atenção Consciente em desenvolver nosso Dharma ou Propósito de Vida. Quando o propósito para o que fomos criados não se realiza vêm às nossas vidas tanta doença, infelicidade, dor, angústia, depressão, medo, etc., vêm porque esquecemos quem somos e de onde viemos. Praticar as Sete Leis é uma das maneiras de encontrar o caminho de volta à nossa essência.

É importante que você tome um conhecimento que te faça ser mais cuidadoso com si mesmo, com os outros e com o Planeta. É importante que a Humanidade eleve seu estado de consciência a favor do Desenvolvimento Espiritual. Espero que o assunto de hoje te faça refletir, nos próximos artigos explicarei a maneira de pôr em prática as Sete Leis para que a sua vida ganhe um melhor sentido e comece o trajeto para sua Evolução Espiritual.


Nenhum comentário

Você pode comentar no Facebook e no Google +, ou se preferir fazê-lo de forma anônima no nosso sistema de comentários

Comente no Facebook
Comente na Innatia

Escreva seu comentário sobre "As sete leis espirituais do sucesso"

Comente no Google+