Lei do Karma

A lei do Karma ou de Causa e Efeito

Seguindo as reflexões das Sete Leis Espirituais do Sucesso hoje vou explicar como funciona a Lei do Karma ou de Causa e Efeito, que é aplicável na terça-feira...

Em nossas vidas diárias não obtemos tudo o que queremos rápido porque somos normalmente desalinhados com as leis que governam o universo. Não entendemos, não estudamos ou não vivemos através da experiência da Atenção Consciente. Seguindo as reflexões das Sete Leis Espirituais do Sucesso hoje vou explicar como funciona a Lei do Karma ou de Causa e Efeito, que é aplicável para a terça-feira, e trabalha fazendo-nos conscientes das escolhas que fazemos a cada momento e assumir a responsabilidade por essas escolhas.

As Sete Leis Espirituais do Sucesso são princípios poderosos que vão te ajudar a ganhar o controle de você mesmo. Elas também vão fazer que sua vida se torne mais alegre e bem-sucedida, porque essas leis são também leis espirituais da vida, aquelas que fazem que viver a vida valha a pena.

A Lei do Karma ou de Causa e Efeito funciona da seguinte maneira, todos os dias DEUS nos dá o livre-arbítrio, e coloca diante de nós diferentes situações em que temos a capacidade de escolher entre muitas alternativas, muitas vezes desativar a atenção consciente e temos eleições menos adequado para o nosso desenvolvimento espiritual e bem-estar geral, com o passar do tempo, a consequência dessa escolha afeta nossas vidas e é apresentada como um karma (efeito, lembrança) que temos que enfrentar e superar, porque TEMOS A CAPACIDADE DE SER ARQUITETOS DE NOSSOS DESTINOS POIS, EMBORA A BOA SORTE SEJA REGIDA PELO CÉU, NOSSO DESTINO ESTARÁ SEMPRE NAS NOSSAS MÃOS E NAS DECISÕES QUE TOMARMOS DIARIAMENTE.

Eu quero focar suas lentes de entendimento nas seguintes linhas, todos os eventos que se apresentam a nós no DIA MAKTUB (DESTINO DIÁRIO) tem uma causa originadas nas decisões passadas, para definir o que eu quero transmitir vou dar um exemplo: Luiz Eduardo sofre aos seus 45 anos de câncer de pulmão e começar a renegar a Deus pelo seu infeliz presente, no entanto, nesse momento se esquece de que a partir dos 15 anos de idade fumou, e os seus conhecidos o consideram um fumante viciado, o câncer tem sido o efeito de não prestar atenção consciente de fumar sem parar por mais de três décadas. Para entender esta lei vou dar outro exemplo: Jesus Alberto está maldizendo Deus e os santos, porque ele bateu seu carro último modelo numa parede, no entanto, é o efeito da causa que, devido à celebração e exibição do seu novo carro, entrou em estado de embriaguez, nessa circunstância é impossível ativar a atenção consciente, o efeito foi o acidente. A moral da história é que ele não previu o que pode acontecer, tinha desativada a atenção consciente de seu presente e foi distraído por trivialidades do Ego.

Eu quero que você imagine casos onde pode se encaixar a Lei do Karma, podem ser conhecidos ou de você mesmo. Quando você faz isso é importante assumir sua responsabilidade pela situação e mudá-la, deixá-la no passado, como uma lembrança. É importante que em todos os momentos você mantenha sua atenção no presente, pois é uma maneira de não criar sementes, de cultivos negativos que irão afetar o seu futuro.

Lembre-se que além dos acontecimentos ou experiências que criamos com nossas ações, há alguns que não respondem aos efeitos das ações passadas mas a provas que temos de superar, ou seja, SOBREPASSAR e aprender a lição, caso contrário irá retornar para nós com maior intensidade até que sejamos capazes de captar a aprendizagem. Lembre-se que você tem a capacidade de ser o arquiteto do seu futuro, porque EMBORA A BOA SORTE SEJA REGIDA PELO CÉU, O SEU DESTINO ESTARÁ SEMPRE NAS SUAS MÃOS. Espero que você tenha captado a essência do que eu queria transmitir, refletir esta semana, em cada decisão que você tome com a seguinte pergunta: qual é o efeito dessa ação ou omissão? Se você tem alguma dúvida envie para mim um e-mail.


Nenhum comentário

Você pode comentar no Facebook e no Google +, ou se preferir fazê-lo de forma anônima no nosso sistema de comentários

Comente no Facebook
Comente na Innatia

Escreva seu comentário sobre "Lei do Karma"

Comente no Google+