Alimentos para o hipotireoidismo

Alimentação para o hipotireoidismo

O hipotireoidismo é um problema com a glândula tireoide, o que obriga as pessoas a mudar seu jeito de comer. Neste caso, é sempre aconselhável consumir alimentos que têm bons níveis de iodo, assim como evitar as substâncias bociogênicas, que são encontradas principalmente na família das couves.

Manzana O hipotireoidismo é uma doença sempre complicada, porque requer mudanças na alimentação para superá-la e se sentir melhor. Existem alimentos que você deve escolher e outros que tem que evitar.

Entre os alimentos que você pode consumir e vão te fazer bem se você tem hipotireoidismo, estão especialmente aqueles com um alto conteúdo de iodo. Por exemplo, morango, alho, aveia, coco, avelãs, pistache, maçã, abacaxi e ervilhas, entre muitos outros.

Se você teve problemas de aumento de peso, pode fazer uma dieta de baixo teor calórico, baixa em gordura e com muitos pratos de legumes, frutas e cereais, se possível.

Por outro lado, há alimentos que você tem que evitar se sofre de hipotireoidismo. Aqueles com substâncias bociogênicas são seus principais inimigos. As sementes de colza (e seu óleo) e as crucíferas (família inteira do repolho). Também a mandioca, o milho e o milheto estão nesse grupo.

Se você quiser saber mais sobre os alimentos e o hipotireoidismo, aqui vai um artigo sobre remédios caseiros para o hipotireoidismo e também um artigo sobre o chá verde e tireoide.
Alguns artigos relacionados que podem te interessar:
Juan Esteban Jorge

Juan Esteban Jorge


IMPORTANTE: A missão do "Alimentos para o hipotireoidismo" é te ajudar a estar informado. NUNCA substitua a consulta médica.

1 comentário no "Alimentos para o hipotireoidismo"

Você pode comentar de Facebook e Google +, ou se preferir fazê-lo anonimamente do nosso sistema de comentários

Comente em Facebook
Comente em Innatia

¡Carregando comentários!
MATILDE

Foi excelente pois acrescentei novos ingredientes em minhas refeições!!!



Escreva seu comentário no "Alimentos para o hipotireoidismo"

Comente em Google+