Dicas para perder peso após o parto

Conselhos para emagrecer após o parto

Acontece a muitas mulheres, após a gravidez não podem voltar ao seu peso habitual. Isto acontece por muitas razões, mas pode evita-lo, especialmente se está grávida e teme isto depois do parto. Evitando algumas questões, fazendo exercício e com uma alimentação sã poderá consegui-lo.

Muitas mulheres sabem que a gravidez pode deixá-las com o peso por cima dos seus níveis habituais. Mas também é certo que não em todos os casos deve passar por essa situação, aliás, pode combatê-la se já está a sofrê-la.

Para começar, se está grávida e teme enfrentar-se a esta situação, deve saber que o fundamental é comer equilibradamente durante este período. Muitas pessoas confundem a gravidez com um período de mimos excessivos, e é assim como acabam por comer exageradamente, provocando o sobrepeso. Será perfeito, então, manter a linha e seguir as recomendações alimentares do seu médico ou nutricionista.

Também é fundamental fazer exercício. Pode realizá-lo sem nenhum problema durante a sua gravidez, sem repercutir em absoluto. Como sempre, consulte bem ao seu doutor para saber a intensidade com a que pode realizar isto. Mesmo após o parto. Geralmente, após um mês, mês e meio já pode retomar alguma atividade física moderada.

É recomendável também aleitar ao seu filho todo o tempo possível. Isto provocará mais perda de peso, embora também deva nutrir-se bem para gerar mais leite. Para ter uma idéia aproximada, o aumento de peso promédio pós-gravidez é quase 14 quilos nas mulheres. Mas após um tempo pode recuperar a sua forma sem problema.

Quer ler outros artigos relacionados com a perda de peso?


IMPORTANTE: A missão do "Dicas para perder peso após o parto" é te ajudar a estar informado. NUNCA substitua a consulta médica.

Nenhum comentário

Você pode comentar no Facebook e no Google +, ou se preferir fazê-lo de forma anônima no nosso sistema de comentários

Comente no Facebook
Comente na Innatia

Escreva seu comentário sobre "Dicas para perder peso após o parto"

Comente no Google+