O que é a polimialgia reumática e como se trata

Relação entre a polimialgia reumática e fibromialgia

Conheça tudo sobre a polimialgia reumática ou PMR, como tratá-la e se tem cura ou não. Como levar sua vida com esta doença e sua relação com a fibromialgia.

Se alguma vez você sentiu dor muscular e rigidez no pescoço, ombro e quadris pelas manhãs, é possível que sofra de polimialgia reumática ou PMR. Não é um diagnóstico simples e pode ser confundido com outras doenças, mas o certo é que a polimialgia reumática se desenvolve gradualmente e tem outros sintomas que, junto com a rigidez, fazem que sua vida se altere notavelmente por sofrê-la. É possível tratar a polimialgia reumática com tratamentos naturais? Tem cura ou é uma doença crônica?

Definição de polimialgia

A polimialgia reumática, também conhecida com as siglas PMR, é uma doença que causa rigidez e dor em diferentes partes do corpo, particularmente o pescoço, os quadris e os ombros. Seu nome diz tudo, já que significa "dor em muitos músculos". Apesar de que se diz que os músculos são os afetados, na realidade o que causa a dor e a rigidez é a inflamação de articulações e tecidos que os rodeiam.

É dito que esta doença afeta o pescoço, quadris e ombros, mas pode causar dor e rigidez em qualquer músculo do corpo.

Sintomas de polimialgia

Os sintomas que caracterizam a polimialgia reumática são os já mencionados e que dão nome a esta doença, mas há outros secundários que também devem ser levados em conta. Estes sintomas não devem te fazer dizer "tenho polimialgia reumática", já que isto deve ser diagnosticado por um médico, mas podem sim te dar uma ideia do seu possível prognóstico.

Rigidez e dor

Rigidez e dor em determinados músculos, principalmente o pescoço, os quadris e os ombros, causadas pela inflamação das articulações e tecidos circundantes. Estas se desatam principalmente durante as manhãs, embora também possam atacar durante a noite e provocar que você acorde. A rigidez costuma piorar depois de períodos de inatividade como uma viagem de carro ou muitas horas diante do computador ou do televisor.

Fadiga

Assim com acontece com a fibromialgia, na polimialgia a dor provoca menos vontade de fazer suas tarefas cotidianas, te cansa e desgasta. Entretanto você não deve deixar que esta fadiga te vença, já que se manter em movimento é essencial para evitar a dor e a rigidez.

Perda de peso

A falta de apetite que provoca a dor é uma das características secundárias mais importantes e comuns. É difícil comer com uma dor tão forte, no entanto você não deve deixar de fazê-lo porque seu corpo se debilitará e o problema poderia piorar.

Febre

Como costuma acontecer quando algo anda mal no seu organismo, a temperatura corporal pode subir notavelmente. Embora seja um sintoma que pode denotar quase qualquer doença, é um ponto a levar em conta.

Prognóstico de polimialgia reumática

É difícil diagnosticar a polimialgia reumática, seu médico se deixará levar por suas explicações dos sintomas e realizará uma série de exames como a taxa de sedimentação eritrocítica, proteína C reativa, proteínas no sangue, glóbulos vermelhos e anemia. Estes também se realizam para vigiar sua doença.

Assim como aparece, a polimialgia desaparece, geralmente depois de um ano, mas pode durar até 6. Quando as dores desapareçam é possível que você possa deixar os remédios, mas isso só o médico deve dizer.

Tratamento de polimialgia

A cura para a polimialgia reumatoide ainda não foi descoberta, razão pela qual os profissionais receitam corticoides e anti-inflamatórios para aliviar a dor em dois dias. Começará com uma dose determinada e irá se reduzindo até eliminá-la completamente.

Tratamento natural para a polimialgia

Embora esta doença não tenha cura, existem alguns truques para lidar com ela. Os tratamentos naturais para a polimialgia reumática são vários e embora não ataquem diretamente o problema, ajudam seu corpo a conviver com ele e reduzir os sintomas.

Ervas medicinais

Um bom tratamento natural para a polimialgia reumática são as diferentes ervas que oferece a natureza.

  • Extrato de harpagófito ou garra do diabo. Vem em cápsulas ou creme e é um potente anti-inflamatório também usado no tratamento da fibromialgia.
  • A consólida. Aplique compressas de consólida para reduzir a inflamação, você também pode encontrá-la em lojas naturistas com o nome de "orelha-de-burro".
  • A cúrcuma. Este clássico dos remédios naturais também é bom para reduzir a inflamação e evitar que piore.
  • O gengibre. Além de melhorar a circulação, reduz a inflamação e fornece antioxidantes, que ajudarão seu corpo a lidar com a polimialgia.

Dietas recomendadas

A alimentação é essencial para manter seu corpo saudável, mas nem todos escolhem bem os alimentos e bebidas que a conformam. Mudar seu estilo de vida pode reduzir notavelmente os sintomas e te fazer sentir muito melhor. Incorpore anti-inflamatórios naturais, evite os refinados, lácteos e o álcool, todos eles influem negativamente no seu corpo e podem piorar a inflamação e a dor. Escolha alimentos frescos e reduzidos em açúcares e sais.

Terapias alternativas

Algumas sessões de massagens com profissionais especializados neste tipo de problemas, sair para caminhar e evitar o sedentarismo são algumas das opções alternativas que você pode usar para complementar seu tratamento para a polimialgia.

Você deve ter notado que há uma relação entre a polimialgia reumática e fibromialgia, elas têm sintomas similares e você pode recorrer aos mesmos remédios para aliviá-los. Se você ainda não conhece muito sobre a fibromialgia eu te recomendo passar pelos artigos da Innatia sobre este assunto, você não pode perder.

O que você deve saber sobre a fibromialgia

A fibromialgia reumática é outro problema que causa dor e rigidez muscular. A cada ano é mais comum e seu tratamento definitivo ainda não existe, há terapias alternativas, remédios naturais e de todo tipo para tratá-la. Mas ainda sua causa e cura são um mistério. Conheça um pouco mais sobre a fibromialgia.

  • O que é a fibromialgia. É um transtorno muito parecido à polimialgia, que pode aparecer em qualquer momento da vida e a altera já que seus sintomas podem ser muito incômodos.
  • Sintomas comuns. Rigidez e dor muscular, fadiga, problemas para dormir e depressão são alguns dos sintomas mais comuns causados pela fibromialgia.
  • Tratamentos naturais. Algumas pessoas garantem que tem cura, no entanto milhões de pacientes não podem lidar com a fibromialgia. Você pode utilizar remédios e tratamentos naturais para apaziguar os sintomas e começar a viver de novo.

Você sofre de polimialgia?

Gráfico da enquete: Você sofre de polimialgia?

Sim

35/1

Não

3/2

Não tenho certeza

3/1

Como você a detectou?




IMPORTANTE: A missão do "O que é a polimialgia reumática e como se trata" é te ajudar a estar informado. NUNCA substitua a consulta médica.

3 comentários no "O que é a polimialgia reumática e como se trata"

Você pode comentar no Facebook e no Google +, ou se preferir fazê-lo de forma anônima no nosso sistema de comentários

Comente no Facebook
Comente na Innatia
¡Carregando comentários!

Luiz Carlos Buselato ...

Pelas dores na nuca e nas maõs pela manhã e dificuldade de pentear o cabelo. Exames VHS e PCR elevados.

0

3 de Mar - 19:12:31

glorinha pinheiro ...

minha mae sofre e detectamos depois de passar por varios medicos, ortopedista, geriatra até chegar no reumato. e exames complementares

0

13 de Abr - 15:26:40

ENIO MARTINI ...

Em consulta médica após vários dias de dores terríveis...

0

4 de Jun - 02:29:49

Escreva seu comentário sobre "O que é a polimialgia reumática e como se trata"

Comente no Google+