Cloreto de magnésio para prevenir o diabetes gestacional

Uma nova propriedade

Os cuidados durante a gravidez nunca são demais. São vários os problemas que podem ser desenvolvidos durante esta etapa. Um deles é o diabetes gestacional, que segundo os especialistas pode ser ocasionado pela deficiência de magnésio. Descubra como o cloreto de magnésio pode te ajudar.

Que o magnésio é um dos minerais essenciais para o corpo, não é nenhuma novidade, mas sim o fato de que periodicamente se descubram novas virtudes e funções.

Nos últimos tempos se descobriu que desempenha um papel muito importante na fertilidade, na gravidez e na saúde do bebê. Você já sabia disso?

Os especialistas no assunto sustentam que muitos dos problemas relacionados com a gestação e o parto têm sua origem na deficiência de magnésio.

Já em 1991 o doutor Jean Durlach disse: ¨A deficiência de magnésio pode ocorrer em mulheres férteis e quando esta está grávida é capaz de ocasionar problemas na sua saúde, na do feto e posteriormente no desenvolvimento da criança, que poderia arrastar toda a sua vida¨.

O magnésio é utilizado com frequência como o tratamento para prevenir os partos prematuros e as convulsões derivadas pela eclâmpsia, mas poderia ser mais útil se é feito o controle durante a gravidez, para que a mulher não sofra de deficiência deste.

Como se relaciona o magnésio com o diabetes gestacional

Os dados recolhidos estatisticamente revelam que existe uma tendência mundial a sofrer deficiência deste mineral e que no caso da mulher grávida é quase uma constante.

Por exemplo, nos Estados Unidos, se soube que 180.000 mulheres desenvolveram diabetes gestacional durante 2007.

O diabetes gestacional é uma forma de intolerância à glicose diagnosticada durante a gravidez. É mais comum que ocorra em mulheres obesas e mulheres casadas com obesos ou com antecedentes familiares de diabetes.

Durante a gravidez, o diabetes gestacional requer tratamento para normalizar os níveis de glicose no sangue materno para evitar complicações no bebê.

Porém, o problema não acaba com o fim da gravidez, na verdade de 5 a 10 % das mulheres que sofreram diabetes gestacional desenvolveram em geral diabetes tipo 2, após vários meses de ter parido.

Os investigadores afirmam que as mulheres que tiveram diabetes gestacional têm uma probabilidade entre 40 e 60 % de desenvolver diabetes entre os próximos 5 e 10 anos.

Diabetes

Como o magnésio pode te ajudar a evitar o diabetes gestacional

Se você está grávida e consegue ter os níveis necessários de magnésio, pode reduzir a resistência à insulina ou pelo contrário, aumentar a sensibilidade a ela.

Se você está se perguntando: o que eu posso fazer para obter o magnésio necessário? Continue lendo e irá obter a resposta…

Como você pode evitar ter deficiência de magnésio

Basta colocar em prática estes três conselhos para alcançar seu objetivo:

  1. Tente manter uma dieta balanceada e saudável.
  2. Incorpore nela alimentos ricos em magnésio: cacau, espinafre, frutos secos, camarões, etc.
  3. Consuma algum suplemento de magnésio, como por exemplo o cloreto.

O cloreto de magnésio como suplemento

É o que mais se popularizou devido, em grande parte, a que é econômico e também o que o corpo assimila de melhor maneira.

Você tem diferentes formas de consumi-lo:

  • Em comprimidos
  • Em cápsulas
  • Na forma cristalizada

Como e quanto você pode consumir de cloreto de magnésio

Para que você tenha uma ideia clara sobre o assunto e esclareça todas as suas dúvidas a respeito, veja este instrutivo vídeo que te explicará o passo a passo.

Você consome cloreto de magnésio para prevenir o diabetes?

Sim, consumo diariamente

4/3

Sim, consumi por épocas

2/1

Não experimentei ainda

1/3

Como você o toma?




IMPORTANTE: A missão do "Cloreto de magnésio para prevenir o diabetes gestacional" é te ajudar a estar informado. NUNCA substitua a consulta médica.

Nenhum comentário

Você pode comentar no Facebook e no Google +, ou se preferir fazê-lo de forma anônima no nosso sistema de comentários

Comente no Facebook
Comente na Innatia

Escreva seu comentário sobre "Cloreto de magnésio para prevenir o diabetes gestacional"

Comente no Google+