Tomate e ácido úrico: o que está comprovado?

O tomate é bom ou ruim para o ácido úrico?

Se você tem o ácido úrico alto, provavelmente dentro da lista de alimentos permitidos e proibidos na dieta para reduzi-lo, o tomate se mantém em dúvida. O tomate é rico em purinas? É bom ou ruim para o ácido úrico? O que há de comprovado com relação aos efeitos do tomate sobre o ácido úrico?

Conserva de tomate Antes de resolver a questão sobre se o tomate é bom ou ruim na dieta para reduzir o ácido úrico alto, ou seja, se pode passar a engrossar a lista de alimentos permitidos ou a dos proibidos, vale fazer o seguinte esclarecimento:

Alguns vegetais são ricos em certas substâncias denominadas purinas, a partir das quais se forma o ácido úrico. Por essa razão, se recomenda que os mesmos sejam consumidos com moderação ou diretamente eliminados em uma dieta baixa em purinas.

Especialmente se trata de legumes como as ervilhas e as lentilhas, que podem gerar mais de 100 mg de ácido úrico, cada 100 gramas de alimento ingerido e de verduras como o espinafre, uma das menos recomendadas em pacientes gotosos.

Entretanto, o tomate não se encontra entre este tipo de vegetais, já que sua contribuição apenas alcançaria 10 mg a cada 100 gramas de tomates frescos consumidos, o que o torna um alimento baixo em purinas e que portanto não eleva o ácido úrico.

Por outro lado, contém vitamina C e licopenos que diminuem, entre outras coisas, o risco de sofrer de câncer de próstata, além de uma série de benefícios que o consumo de tomate proporcionaria à saúde.

Daí que é hora de acabar com este mito, já que o consumo de tomate, longe de aumentar o ácido úrico, por suas propriedades desintoxicantes, favoreceria a eliminação deste do sangue.
Alguns artigos relacionados que podem te interessar:
Hebe Bravo

Hebe Bravo


IMPORTANTE: A missão do "Tomate e ácido úrico: o que está comprovado?" é te ajudar a estar informado. NUNCA substitua a consulta médica.

8 comentários no "Tomate e ácido úrico: o que está comprovado?"

Você pode comentar no Facebook e no Google +, ou se preferir fazê-lo de forma anônima no nosso sistema de comentários

Comente no Facebook
Comente na Innatia

¡Carregando comentários!
Solange

Tirei dúvidas sobre o uso de tomate para quem tem ácido úrico alto.

luciana borges mendonça noventa

meu marido tem acido urico e ele gosta muito de tomate e eu ouvir falar que tomate faz para quem tem o mesmo elevado,ai eu resolvi pesquisar e gostei muito do artigo explicou muito bem,tirei minhas duvidas!!

felismina

Felismina monteiro

Nina

através desta fiquei mais informada sobre quais alimentos podemos e não, para uma dieta sobre o aumento do ácido úrico

marcia

porque sou acadêmica de enfermagem, e tenho por obrigação saber todas as doenças, pois vou trabalhar com elas no futuro.

Paulão Cardoso

A esplicação foi ótima,muito clara eu ja gostava de tomates de hoje em diante vou comer mais

Garcia Manuel

Posso beber um pouco de vinho?

maria yole

meu filho estava na duvida



Escreva seu comentário sobre "Tomate e ácido úrico: o que está comprovado?"

Comente no Google+

Na Innatia nós gostaríamos de saber como este artigo foi útil para você.

Quer compartilhar como foi? Acesse aqui… e compartilhe sua experiência!

http://br.innatia.com/c-dietas-balanceadas-pt/a-tomate-e-acido-urico-o-que-esta-comprovado-9585.html